Rafael Luz Fla Basquete

Fla foi derrota por time da casa, mas avançou como primeiro do grupo (Foto: Jose Jimenez-Tirado/FIBA Americas)

RADAR/LANCE!
29/02/2016
11:14
Rio de Janeiro (RJ)

Mesmo com derrota, o Flamengo conseguiu se classificar para o Final Four da Liga das Américas, disputada na Venezuela. O Rubro-Negro perdeu por 92 a 87 para o Guaros de Lara, neste domingo. No entanto, o time comandado pelo técnico José Neto avançou como primeiro cabeça de chave do Grupo F na última etapa da competição e enfrentará o Paschoalotto/Bauru, campeão da edição passada.

Ao lado de sua torcida, o Guaros de Lara entrou com muita vontade e em seis minutos de jogo abriu vantagem de onze pontos diante do Flamengo. Wilkins, Colmenares e Bethelmy não deram espaço para os cariocas colocarem seu jogo em quadra e mesmo dois tempos pedidos pelo técnico Neto, sua equipe não conseguiu conter a transição rápida do time venezuelano.

Tyshawn Taylor foi o atleta do Guaros que não permitiu a reação rubro-negra no final da partida. O atleta terminou a partida com 19 pontos e cinco deles aconteceram no último quarto, quando sua equipe anotou apenas 12 pontos.

No segundo quarto, o Flamengo perpetuou no erro, chutou muitas bolas de 3 pontos e, com um jogo rápido do Guaros, concentrado no pivô reserva Echenique, viu o déficit no placar se dilatar em mais de 20 pontos. Ao final do segundo quarto, a equipe da Venezuela estava com 21 pontos a mais que o time da Gávea (56 a 35). Echenique, Guevara e Wilkins já haviam chegado nos dois dígitos neste momento da partida.

Após um domínio venezuelano, vários atletas da equipe saíram pela questão de faltas e o Flamengo aproveitou. Desde os 9 minutos do último quarto, a equipe da Gávea aplicou uma sequência de 16 pontos contra apenas dois do Guaros e diminuiu a vantagem para seis pontos (84 a 78). Todavia, o time carioca não teve forças para mudar o resultado negativo do placar ao final da partida.

O número de rebotes mostrou o quanto a equipe do Guaros entrou ligada na partida desde o início, por isso terminou a partida com 13 rebotes a mais que a equipe da Gávea. O Flamengo pegou 20 rebotes nestes 40 minutos jogados e o time venezuelano acumulou 33.

No último quarto de partida quando o Flamengo ameaçava uma reação, o jogo ficou concentrado no pivô JP Batista e ele deu conta do recado. Com apoio de Rafa Luz, Marcelinho Machado e Marquinhos, o jogo fluiu e JP chegou aos 21 pontos na noite.

Quatro jogadores do Flamengo ultrapassaram a marca dos dez pontos. Dentre eles: JP Batista (21), Marquinhos (13), Rafa Luz (14) e Marcelinho Machado (12).

Com esta vitória, o Guaros chegou ao seu segundo triunfo em três jogos no Grupo F. O Flamengo tem o mesmo número de vitórias e o mesmo número de derrotas que a equipe venezuelana, todavia, tem maior saldo que o adversário.

Mesmo com a derrota, o Flamengo se classificou em primeiro lugar no Grupo F e enfrentará o campeão da edição passada, o Paschoalotto/Bauru, segundo colocado do Grupo E, dia 11 de março. O Guaros é o cabeça de chave número dois e jogará contra o Mogi das Cruzes/Helbor, cabeça de chave número um do outro grupo, no mesmo dia 11 de março.