icons.title signature.placeholder Hugo Mirandela
icons.title signature.placeholder Hugo Mirandela
26/08/2015
17:24

O bicampeão do Tour do Rio Oscar Sevilla começou bem a sexta edição da competição. O espanhol da equipe EPM UNE venceu a primeira etapa da prova, entre o Rio de Janeiro e Angra dos Reis, um percurso de 168km. A chegada na Praia do Anil foi disputada, com Sevilla e o seu compatriota Gustavo Veloso brigando roda a roda pela vitória. O ciclista do time Quinta da Lixa chegou na frente, mas acabou invertendo a posição com o rival por cometer uma irregularidade. O brasileiro Rafael Andriato completou o pódio.

Auxiliado por atletas de suas equipes, Oscar Sevilla e Gustavo Veloso começaram a 'fuga' do restante do pelotão faltando cerca de 25km para o fim da prova. À cerca de 10km para a linha de chegada, os dois se desgarragam dos companheiros e passaram a competir pela conquista da etapa. O espanhol da Quinta da Lixa chegou na frente, mas perdeu a primeira posição para Sevilla por ter cometido um sprint irregular a 500 metros do final.

Depois de sentir o gostinho da vitória e perder o título, Veloso lamentou o ocorrido, mas mostrou otimismo, dizendo que ainda tem muito campeonato pela frente.

- Às vezes acontece. Assim é o ciclismo e temos que cumprir com o que é determinado. Melhor que não fui desclassificado e ainda tenho mais quatro dias para recuperar a liderança - disse Veloso, fazendo questão de destacar que não agiu de má fé e que apenas se confundiu durante o percurso com uma sinalização.

Chegada em Angra dos Reis foi disputada entre Veloso e Sevilla (Foto: Divulgação)

Meio que sem jeito pela forma que acabou ficando com o primeiro lugar, Oscar Sevilla comemorou mais uma vitória em Angra. O espanhol disse que a etapa foi muito difícil e tratou de não alimentar o clima de oba-oba com o triunfo.

- Realmente Angra dos Reis me traz sorte. É a terceira vez que venço aqui e sempre fui bem recebido pelas pessoas da cidade. Foi uma etapa muito dura, como todos os outros anos e neste ainda tive um forte concorrente ao meu lado. O Veloso é meu amigo e fez uma bela prova, lamento por ele, mas normas são para ser cumpridas. Tem muita competição pela frente e tudo pode acontecer – afirmou o bicampeão do Tour do Rio.

O brasileiro Rafael Andriato ficou satisfeito com o seu resultado. Segundo ele, o terceiro lugar ficou de bom tamanho, já que era difícil superar Sevilla e Veloso nesta primeira etapa da competição.

- Essa é uma etapa sempre muito difícil. Eu estou contente com o meu desempenho hoje, contra esses dois monstros que chegaram na minha frente, não tinha muito o que fazer - disse Rafael.

A segunda etapa do Tour do Rio acontece nesta quinta-feira, com trecho que vai de Angra dos Reis a Valença, com cerca de 175km.

O bicampeão do Tour do Rio Oscar Sevilla começou bem a sexta edição da competição. O espanhol da equipe EPM UNE venceu a primeira etapa da prova, entre o Rio de Janeiro e Angra dos Reis, um percurso de 168km. A chegada na Praia do Anil foi disputada, com Sevilla e o seu compatriota Gustavo Veloso brigando roda a roda pela vitória. O ciclista do time Quinta da Lixa chegou na frente, mas acabou invertendo a posição com o rival por cometer uma irregularidade. O brasileiro Rafael Andriato completou o pódio.

Auxiliado por atletas de suas equipes, Oscar Sevilla e Gustavo Veloso começaram a 'fuga' do restante do pelotão faltando cerca de 25km para o fim da prova. À cerca de 10km para a linha de chegada, os dois se desgarragam dos companheiros e passaram a competir pela conquista da etapa. O espanhol da Quinta da Lixa chegou na frente, mas perdeu a primeira posição para Sevilla por ter cometido um sprint irregular a 500 metros do final.

Depois de sentir o gostinho da vitória e perder o título, Veloso lamentou o ocorrido, mas mostrou otimismo, dizendo que ainda tem muito campeonato pela frente.

- Às vezes acontece. Assim é o ciclismo e temos que cumprir com o que é determinado. Melhor que não fui desclassificado e ainda tenho mais quatro dias para recuperar a liderança - disse Veloso, fazendo questão de destacar que não agiu de má fé e que apenas se confundiu durante o percurso com uma sinalização.

Chegada em Angra dos Reis foi disputada entre Veloso e Sevilla (Foto: Divulgação)

Meio que sem jeito pela forma que acabou ficando com o primeiro lugar, Oscar Sevilla comemorou mais uma vitória em Angra. O espanhol disse que a etapa foi muito difícil e tratou de não alimentar o clima de oba-oba com o triunfo.

- Realmente Angra dos Reis me traz sorte. É a terceira vez que venço aqui e sempre fui bem recebido pelas pessoas da cidade. Foi uma etapa muito dura, como todos os outros anos e neste ainda tive um forte concorrente ao meu lado. O Veloso é meu amigo e fez uma bela prova, lamento por ele, mas normas são para ser cumpridas. Tem muita competição pela frente e tudo pode acontecer – afirmou o bicampeão do Tour do Rio.

O brasileiro Rafael Andriato ficou satisfeito com o seu resultado. Segundo ele, o terceiro lugar ficou de bom tamanho, já que era difícil superar Sevilla e Veloso nesta primeira etapa da competição.

- Essa é uma etapa sempre muito difícil. Eu estou contente com o meu desempenho hoje, contra esses dois monstros que chegaram na minha frente, não tinha muito o que fazer - disse Rafael.

A segunda etapa do Tour do Rio acontece nesta quinta-feira, com trecho que vai de Angra dos Reis a Valença, com cerca de 175km.