Lucas Aguiar
05/02/2018
01:38
Minneapolis (EUA)

O Philadelphia Eagles venceu o New England Patriots por 41 a 33 e conquistou pela primeira vez o Super Bowl. Em um jogo sensacional, cheio de quebra de recordes, a equipe da Pensilvania, que era considerada a zebra, venceu a edição de número 52 da grande final do futebol americano.

Tom Brady, com 505 jardas, se tornou o maior quarterback com maior número de jardas passadas em uma edição de Super Bowl. Além disso, o jogador também é o primeiro jogador a ter duas finais do futebol americano com pelo menos 400 jardas passadas. Esta partida também teve o maior número de jardas passadas da história dos playoffs da NFL, com mais de 1000 jardas ofensivas, somando as duas equipes. 

Em suas primeiras campanhas, as duas equipes caminharam bem pelo campo, entrando na linha de 10 jardas do campo de ataque, mas no momento crucial, as defesas apareceram e cederam apenas o field goal. Mas na segunda vez no ataque, os Eagles, em apenas três jogadas, chegaram ao touchdown. Com um passe de 34 jardas de Nick Foles para Alshon Jeffrey, a equipe de Philadelphia marcou, fazendo 9 a 3, após o kicker errar o chute de bonificação.

Após uma belo passe, de 50 jardas, de Tom Brady para Danny Amendola, ainda no primeiro quarto, New England chegou na linha de 8 jardas, mas novamente não conseguiu o touchdown. Para piorar, o kicker Gostkowski ainda errou o field goal, mantendo o placar da partida. Os Eagles voltaram a pontuar novamente ainda no segundo quarto. O running back, LeGarrette Blount, conseguiu uma boa corrida, de 21 jardas e marcou o touchdown. A equipe de Philadelphia tentou a conversão de dois pontos, mas sem sucesso, deixando o placar em 15 a 3.

Depois de uma tentativa frustada de quarta descida dos Pats, tudo parecia a favor dos Eagles, mas Nick Foles tentou um passe para Alshon Jeffrey e acabou interceptado por Duron Harmon. Os Patriots aproveitaram o erro de Philadelphia e com um passe de 40 jardas de Tom Brady para Chris Hogan, seguido de uma corrida de 35 de James White, New England voltou para o jogo, 15 a 12. Porém, a equipe da Pensilvania não se abalou e novamente marcou um touchdown. Em uma jogada diferente, o tigh end, Trey Burton passou para Nick Foles na end zone. Com o extra point, Philly foi para o intervalo vencendo por 22 a 12.

New England voltou para o segundo tempo com tudo. Com quatro recepções na campanha de ataque, Rob Gronkowski anotou o touchdown e colocou fogo no jogo. Mas Philadelphia não deixou barato e também respondeu com um touchdown. Nick Foles acertou um belo passe para Corey Clemente e os Eagles voltaram a ter 10 pontos de vantagem, 29 a 19. A resposta dos Pats veio logo em seguida. Com passes longos, a equipe da Nova Inglaterra diminuiu a diferença para três pontos. Tom Brady encontrou Chris Hogan, que entrou na end zone.

No início do último quarto do jogo, os Eagles tiveram a chance de aumentar ainda mais a vantagem, mas pararam na defesa e ficaram apenas com o field goal. A resposta dos Patriots foi na campanha seguinte. Com três passes seguidos para Amendola, finalizando com um touchdown para Gronkowski, New England assumiu a liderança da partida, faltando nove minutos para o fim.

Os Eagles não desistiram e com uma campanha de mais de seis minutos, Nick Foles passa para Zack Ertz e vira o placar de novo. Cinco pontos na frente, Philadelphia tentou a conversão de dois pontos sem sucesso. Restando pouco mais de dois minutos no relógio, os Patriots precisavam avançar muito rápida pelo campo. Mas Tom Brady acabou sofrendo um fumble e perdeu a posse de bola. Com um minuto, Jake Elliott acertou o field goal fechou o placar.