Sada Cruzeiro

Sada Cruzeiro soma 35 pontos em 12 partidas 

LANCE!
13/01/2017
16:16
São Paulo (SP)

Sada Cruzeiro (MG) e JF Vôlei (MG) são adversários amigos, pelo menos até a partida começar. Os dois times têm uma parceria onde atletas da base cruzeirense são cedidos à equipe de Juiz de Fora (MG). O trabalho quase que em conjunto será testado neste sábado, quando haverá o duelo mineiro, às 21h30, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), com transmissão ao vivo do SporTV.

O time cruzeirense lidera a tabela de classificação, com 35 pontos, e é o único invicto na competição. O JF Vôlei ocupa a sétima colocação, com 16 pontos e o total de seis vitórias e seis derrotas.

O levantador Fernando, de 20 anos, esteve ao lado de quase todos os jogadores que amanhã serão seus adversários. Uma das escolhas para permanecer no Sada Cruzeiro, o jogador vê a saída de alguns companheiros como algo bastante proveitoso.

- Conhecemos a maneira como eles jogam, e as principais características de cada jogador. Em contrapartida, eles nos conhecem também. Essa é uma parceria positiva demais. Todo mundo ganha experiência, mais tempo de jogo e tem contato com nível profissional.

Justamente o fato de conhecer bem o time de Juiz de Fora faz com que o levantador esteja preocupado com a partida de amanhã.

- O time deles sempre sacou muito bem. Taticamente, eles são muito bons. O Henrique sempre estuda muito os adversários e a própria equipe. Tem um ótimo volume de jogo e acho que nesses pontos eles podem incomodar bastante - comentou Fernando, citando o treinador adversário, Henrique Furtado.

Pelo lado do JF Vôlei, um antigo conhecido. O ponteiro Felipi Rammé, de 19 anos, já foi companheiro de time, antes de ser emprestado ao time de Juiz de Fora, e amanhã será um adversário. O jogador também sabe a dificuldade que terá contra a força do Sada Cruzeiro.

- Vai ser um jogo muito difícil. Apesar de conhecer bem a equipe do Sada, eles têm um time muito qualificado, com grandes estrelas, mas pegamos bagagem que vai ser importante agora. Além disso, tudo que temos de referência deles vai servir para talvez conseguirmos anular alguns pontos muito positivos do time deles - comentou Rammé.

O ponteiro do JF Vôlei ainda lembrou sobre como o seu time pode tentar levar vantagem no jogo.

- Como não só eu, mas toda a comissão técnica tem um conhecimento grande da equipe deles. Isso vai nos ajudar a, quem sabe, conseguir uma vitória contra um time grande.