Tony Estanguet, tricampeão olímpico de slalom

COI pede a volta da Regra Osaka

LANCE!
22/11/2016
14:40
São Paulo

Após o grande número de atletas pegos no doping, somado ao recente escândalo na Russia, o Comitê Olímpico Internacional (COI) sugeriu que a  Agência Mundial Antidoping (WADA) reintroduza a Regra Osaka em seu código. A medida prevê que os atletas pegos no exame antidoping com suspensões superiores a seis meses sejam excluídos da edição seguinte dos Jogos Olímpicos. Por exemplo, se um atleta é pego no exame durante o ciclo olímpico estaria fora de Tóquio-2020.

- O COI quer propôs esse novo adendo ao código acerca da elegibilidade de atletas que vão competir nos Jogos Olímpicos - afirmou em um encontro da Mesa da Wada o francês Tony Estanguet, vice da comissão de atletas da entidade máxima do desporto internacional. 

A regra entrou no código da Wada em 2012, sendo tirada no mesmo ano por questões legais.