Charles Chibana

Charles Chibana ficou com o bronze no Grand Slam de Abu Dhabi (Foto: Cleber Mendes/Lancepress!)

LANCE!
28/10/2016
15:41
Rio de Janeiro (RJ)

O judô brasileiro voltou às competições oficiais nesta sexta-feira pela primeira vez após os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto. No primeiro dia do Grand Slam de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, quatro atletas garantiram medalhas: Erik Takabatake (60kg) ficou com a prata, enquanto Nathália Brígida (48kg), Jéssica Pereira (52kg) e Charles Chibana (66kg) garantiram um bronze.

Erik derrotou Mehaman Sadigov, do Azerbaijão, e o russo Robert Mshvidobadze para chegar à final da categoria. Na última luta, ele acabou derrotado pelo espanhol Francisco Garrigos.

Nathália levou a pior contra a sérvia Mmilica Nikolic, mas venceu a espanhola Julia Figueroa na repescagem e conseguiu o terceiro lugar. Já Jéssica perdeu para britânica Kelly Edwards, mas bateu a polonesa Karolina Pienkowska na disputa pela medalha.

Dos brasileiros em ação no primeiro dia, apenas Chibana esteve na Olimpíada do Rio, em agosto. Ele ficou com o bronze ao bater por yuko no último minuto o esloveno Andraz Jereb. Antes, havia vencido Eisa Majrashi, da Arábia Saudita, e perdido para o cazaque Azamat Mukanov.

Neste sábado, oito brasileiros vão ao tatame: Mariana Silva (63kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Bárbara Timo (70kg), Alex Pombo (73kg), Marcelo Contini (73kg), Rafael Macedo (81kg) e Victor Penalber (81kg). E no domingo, mais sete Samanta Soares (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg), Eduardo Bettoni (90kg), Luciano Corrêa (100kg), Rafael Buzacarini (100kg), David Moura (+100kg) e João Marcos Cesarino (+100kg).

As preliminares acontecem às 4h (de Brasília) e as finais, com repescagem, semifinais e finais, a partir das 11h. O Brasil não conta com os três atletas que ganharam medalhas no Rio: Rafaela Silva, ouro na categoria até 57kg, Mayra Aguiar, bronze na até 78kg e Rafael Silva, bronze na acima de 100kg.