LANCE!
04/03/2016
21:38
Las Vegas (EUA)

Como não poderia ser diferente, o novo encontro entre Conor McGregor e Nate Diaz pegou fogo, na pesagem do UFC 196, realizada nesta sexta-feira, em Las Vegas (EUA). O americano levantou a guarda para o rival, que tentou partir para cima e foi apertado pelo presidente Dana White. Ambos trocaram xingamentos e mostraram o dedo do meio.

Nate Diaz entrou na área de pesagem com um misto de torcida a favor e uma metade, irlandesa, o vaiando. Já Conor McGregor, apareceu pulando e chamando a torcida, que foi a loucura. Ao contrário do que estávamos acostumado, na categoria dos penas, o irlandês apareceu bem forte.

- Eu vou matar ou morrer aqui. Não estou nem ai para esse cara - disse Diaz.

- É só mais um dia para mim. Um sai, outro entra. Nunca vi um cara tão magro lutando. É impressionante. Estou preparado para qualquer um e com vontade de fazer um grande show para todos - rebateu Conor.

Acompanhada do seu namorado, o também lutador Brian Caraway, Miesha Tate apareceu e foi bastante festejada pelo público. A campeã Holly Holm não ficou atrás no quesito torcida também. As duas atletas não apimentaram o clima e foram amigáveis na hora da encarada.

Tom Lawlor protagonizou o momento mais engraçado da pesagem. O lutador apareceu um adesivo imitando as tatuagens que Conor McGregor tem no peito e na barriga e arrancou risadas do público, que aprovou. Na hora de encarar Corey Anderson, o americano também imitou a pose de carateca que o campeão dos penas da organização costuma fazer nas suas lutas.

Amanda Nunes e Valentina Shevchenko, que fazem duelo importante para a divisão dos galos do Ultimate, passaram pela pesagem sem dificuldades. A brasileira que estava com um corte de cabelo moicano, na hora da encarada abriu um sorrisinho para a adversária, que retribuiu e elas foram respeitosas. 

Ao lado de Rafael Cordeiro, líder da Kings MMA, Erick Silva chegou para subir à balança bem sério e cravou o limite da divisão dos meio-médios, assim como o canadense Nordine Taleb. Na hora de ficarem frente a frente, nenhum dos dois lançou alguma provocação e eles se cumprimentaram. 

Bem concentrado, Marcelo Magrão bateu o peso com tranquilidade e se mostrou aliviado. Já Vitor Miranda, com um semblante mais tranquilo, entrou na área de pesagem sorrindo. O ex-TUF também atingiu a meta da categoria dos médios sem problemas. Na encarada, os dois mostraram respeito.

UFC 196
Card principal
Conor McGregor x Nate Diaz
Holly Holm x Miesha Tate
Gian Villante x Ilir Latifi
Corey Anderson x Tom Lawlor
Amanda Nunes x Valentina Shevchenko
Card preliminar
Brandon Thatch x Siyar Bahadurzada
Erick Silva x Nordine Taleb
Vitor Miranda x Marcelo Guimarães
Darren Elkins x Chas Skelly
Diego Sanchez x Jim Miller
Jason Saggo x Justin Salas
Julian Erosa x Teruto Ishihara