LANCE!
23/02/2016
14:08
Rio de Janeiro (RJ)

Com a lesão de Rafael Dos Anjos, que pode impedir de encarar Conor McGregor, no UFC 196, dia 5 de março, especula-se quem será o rival do irlandês do evento, apesar de não haver confirmação de que o campeão dos leves esteja fora. O nome de José Aldo ganhou força, já que o brasileiro já havia manifestado seu desejo de uma revanche e garantiu que estava pronto para o confronto a qualquer momento. Porém, essa tese foi desmentida.

Segundo André Pederneiras, treinador do ex-campeão dos penas, o Ultimate chegou a oferecer a Aldo para substituir o compatriota, mas o lutador não estaria fisicamente preparado para fazer este combate.

- O Dana ligou falando do que tinha acontecido e perguntado se o Aldo estava com o físico para poder lutar. Eu respondi que não estava e nem tinha tempo para se preparar para lutar na semana seguinte - garantiu Pederneiras, em entrevista ao site do "Canal Combate".

Recentemente, Aldo já havia publicado um texto nas redes sociais em que falou que aceitaria encarar McGregor em qualquer momento. Porém, Pederneiras disse que os treinos dele não são para uma luta deste porte.

- Aldo vem fazer os treinos na academia, mas nada para um combate de cinco rounds. Não adianta colocá-lo lá sem ter condições físicas de fazer uma luta dura até o quinto round - completou o técnico.

Em dezembro de 2015, José Aldo foi nocauteado por Conor McGregor em apenas 13 segundos e perdeu o cinturão dos penas.