Carlos Antunes
21/01/2016
12:38
Rio de Janeiro (RJ)

Após perder o cinturão dos penas do UFC para Conor McGregor, José Aldo já deixou claro que merece uma revanche imediata ou disputar o título com um outro adversário, como a organização lhe prometeu. Treinador do brasileiro, André Pederneiras, em conversa com a imprensa, também fez coro ao seu discurso e garantiu que o lutador só faz seu próximo combate se valer a cinta, cogitando até esperar um ano para isso. 

- Ele só luta pelo cinturão. Ele se acha no direito de esperar, como campeão que ficou tanto tempo no posto, ter o direito que todos tiveram. Quem teve a chance agora, tem menos direito do que ele, na minha opinião. Ele diz que merece, ainda mais na condição que foi a luta e por tudo que já fez - disse.


Questionado se essa atitude de só atuar em uma luta por título e ficar muito tempo ausente, chegando até a um ano, possa prejudicar o ex-campeão dos penas, Dedé adiantou que em breve terá uma reunião com o Ultimate para acertar essa questão da próxima luta do atleta.

- Hoje o pensamento é esse (de que pode esperar até um ano para lutar), amanhã pode ser que mude. É difícil dizer que se prejudicar com isso. Você acha que o Dominick (Cruz) se prejudicou? Mas vamos ter uma reunião para definir essa situação - revelou o líder da Nova União.