Dedé Pederneiras

André Pederneiras é o líder da equipe Nova União (FOTO: Divulgação)

Carlos Antunes
22/01/2016
12:16
Rio de Janeiro (RJ)

No último dia 17, Dominick Cruz voltou a pisar no octógono, após série de lesões, e recuperou o cinturão dos galos do UFC, ao derrotar o até então campeão TJ Dillashaw. Quem gostou desse resultado foi André Pederneiras, treinador de Renan Barão. Segundo ele, uma mudança de campeão foi um fator que pode beneficiar seu pupilo por uma nova disputa de título.

- O resultado para a gente foi bom, ter uma mudança de campeão foi ótima. Se o TJ fica campeão, não teria uma terceira luta com o Barão. Tem a vantagem de ter uma mudança de campeão. Não pelo TJ ter perdido, pois não temos nada contra ele ou a Alpha Male - afirmou o treinador, em conversa com a imprensa.


Questionado caso Barão vença mais um combate, no próximo já possa lutar pelo cinturão novamente, Dedé se esquivou, mas deixou clara que essa seria a sua vontade. No entanto, garantiu que ainda é preciso ver como ficará a situação do lutador, que tem chance de subir para os penas.

- Não posso te dar essa resposta (se com mais uma vitória do Barão, ele dispute o título). Se é o que eu queria, sim. Mas temos que esperar e ver como vai andar das coisas. É cedo para falar. (...) Não vai demorar para ter uma decisão (sobre questão do peso) - adiantou o líder da Nova União.