LANCE!
05/09/2016
15:57
Rio de Janeiro (RJ)

Miesha Tate teve mais um dia de heroína. Depois de já ter protagonizado um salvamento onde sua sogra se afogava durante um ataque de asma, no mar de Cancún, agora a ex-campeã do UFC carregou no colo uma criança de seis anos que quebrou o braço durante uma trilha com a mãe até um lugar seguro.

Segundo sua publicação no Facebook, durante uma trilha com amigos, Tate encontrou uma menina com sua mãe. Com o braço quebrado, a criança teve de ser carregada pela mãe, que encontrava dificuldades. Miesha se ofereceu e levou a menina no colo até o pé da montanha.

- Hoje uma pequena menina quebrou seu braço no topo da montanha Mary jane (em Mt. Charleston, Las Vegas) e vi sua mãe tendo dificuldade para carregar sua filha até a parte de baixo. A mãe perguntou a sua filha de seis anos se ela preferia que eu ou ela a carregasse. Ela respondeu sem hesitação (para minha surpresa): "Eu quero que ela me carregue". Nós rimos. Eu carreguei a pequena doce menina até a parte de baixo. Kai e eu aprendemos muito uma sobre a outra durante as difíceis duas milhas. E é justo dizer que ela me inspirou. . Fizemos todo o caminho para baixo, sem escorregar ou cair! Nós concordamos que seríamos fortes uma para a outra! O trabalho em equipe em é o melhor - descreveu Tate, em publicação no Facebook.

A ação recebeu também os agradecimentos da família de Kai, que reconheceu o ato de solidariedade da "incrível e humilde" ex-campeã do UFC.


- Um dia louco para nossa família. Minha pobre Kai quebrou o braço escalando. Então eu e minha mulher tivemos de carregá-la por milhas abaixo. Para nosso resgate e assistência aparece a incrível lutadora do UFC Miesha Tate. Ela nos ofereceu ajuda para levar Kai até a parte de baixo. Que pessoa incrível e humilde! Nossa família não pode agradecer o suficiente. Você nos economizou horas de escalada e nos ajudou a chegar mais rápido no hospital. Obrigado mais uma vez - publicou Andrew Abalos, pai da menina.

Depois de perder o cinturão peso-galo feminino do UFC para a brasileira Amanda Nunes, no UFC 200, em julho, Miesha Tate ainda não sabe qual será sua próxima adversária no octógono do Ultimate.