Dany Fenix (segunda da direita para esquerda) treina ao lado de companheiras (FOTO: Arquivo Pessoal)

              Dany Fenix (segunda da direita para esquerda) treina ao lado de companheiras (FOTO: Arquivo Pessoal)

LANCE!
25/11/2015
11:03
Rio de Janeiro (RJ)

Estreante no XFC, a lutadora potiguar, Dany “Fênix” Silva, treina com Bethe “Pitbull” Correia. Conhecida no mundo do MMA, Bethe se tornou amiga de treinos e estará de olho em Dany para o XFCi 12, neste sábado, no XFC International Center, em São Paulo. No caminho de Fênix, estará Hellen Bastos, também estreante na organização.

- A Bethe me ajuda muito sempre que vou lutar. Sempre que treina comigo me orienta e vice e versa. Estou com ela na Pitbull Brothers (equipe de ambas) e tento alinhar meu jogo observando todos meus companheiros, inclusive ela. Estou em evolução e entro no XFC querendo conquistar o GP e brigar pelo cinturão futuro - conta.

Porém, antes de ser companheira e parceira de Correia, o caminho das duas cruzou-se dentro do cage. As duas estrearam no MMA em maio de 2012 em um confronto direto, vencido pela mais experiente na decisão dos juízes.

- Lutar é minha paixão. Vivo disso e quero isso para sempre. Conheci a Bethe em um evento em Natal. Infelizmente fui derrotado por pontos. As duas eram inexperientes ainda, mas foi uma grande luta - disse, antes de comentar sua trajetória no esporte:

- Estou há oito anos nas lutas. Comecei no jiu-jitsu, me apaixonei depois pelo muay thai. Ganhei as cinco lutas que fiz e migrei para o MMA. Fiz poucas lutas na carreiras - apenas cinco, ostentando um cartel de 3-2 - porque tive um problema no joelho e fui operada. Sai da minha equipe inicial e vim para a Pittbull, onde tenho todo o suporte para me tornar uma campeã do XFC - completa.

Com estilo agressivo, Dany também gosta de observar outro grande nome brasileiro do MMA, Crys Ciborg.

- Gosto muito do estilo da Cyborg. É uma grande lutadora. A considero uma das melhores do mundo. Confio no meu talento também chegar neste patamar - garante.

XFC com novidades no fim do ano
O XFC prepara emoções para o fim do ano de 2015. Entre os dias 3 e 6 de dezembro, no XFC International Center, a organização realiza a primeira etapa do XFC Young Guns, um circuito nacional com atletas entre 18 e 24 anos da região sudeste, que lutarão por vagas na próxima temporada de torneios, em cada categoria oficial de peso. Além disso, três finais do evento serão realizadas durante o XFCi 13, no dia 5 de dezembro.

Confira as lutas do XFCi 12
Até 77,1kg: Carlston Harris x Michel Pereira – Final do Torneio Peso-Meio-Médio
Até 52,2kg: Viviane Sucuri x Vanessa Guimarães – Disputa de Cinturão Peso-Palha feminino
Até 56,7kg: José Maria “No Chance” x Marcel Adur – Superluta
Até 70,3kg: Ricardo Tirloni x Jadyson da Costa – Superluta
Até 70,3kg: Sergio Junior x Vitor Negão – Superluta
Até 70,3kg: Vinicius Loureiro x Ary Santos
Até 56,7kg: Manel Kappe x João Elias – Torneio Peso-Mosca Masculino
Até 70,3kg: Luciano Palhano x Antônio Paulo Nego – Torneio Peso-Leve Masculino
Até 52,2kg: Daniela “Dany Fenix” Da Silva x Hellen Bastos – Torneio Peso-Palha Feminino
Até 56,7kg: Molly McCann x Vanessa Melo – Superluta Peso-Mosca feminino
Até 56,7kg: Pedro Curiri x Jimmy Martinez Vela – Torneio Peso-Mosca masculino
Até 77,1kg: Gian Siqueira x Wellington Thurman – Superluta