LANCE!
21/11/2016
15:45
Rio de Janeiro (RJ)

Dias após a realização do UFC São Paulo, ocorrido no último sábado (19), no ginásio do Ibirapuera, a CABMMA (Comissão Atlética Brasileira de MMA) divulgou as suspensões médicas aplicadas a cada um dos 24 lutadores que se apresentaram no octógono do show.

Rogério Minotouro, Albert Morales, Manvel Gamburyan e Francimar Bodão foram os atletas que pegaram o maior gancho. Eles terão de ficar ao menos 45 dias sem lutar e 30 dias sem qualquer tipo de contato físico. Os quatro foram derrotados via nocaute no UFC São Paulo.

Vale lembrar que tais suspensões médicas são aplicadas pela comissão atlética após breve avaliação pós-luta. Os atletas que conseguirem uma liberação médica estarão aptos a antecipar o retorno a atividade.  
 
Confira as suspensões médicas (Dias sem lutar / Dias sem contato físico):

Ryan Bader: 14/7
Rogerio Nogueira: 45/30
Thomas Almeida: 14/7
Albert Morales: 45/30
Claudia Gadelha: 14/7
Courtney Casey: 14/7
Darren Stewart: 14/7
Francimar Barroso: 45/30J
Justin Scoggins: 14/7
Pedro Munhoz 14/7
Christian Colombo: 30/21
Luis Henrique: 14/7
Manvel Gamburyan: 45/30
Johnny Eduardo: 14/7
Gadzhimurad Antigulov: 14/7
Marcos Rogerio de Lima: 14/7
Jack Hermansson: 14/7
Cezar Ferreira: 14/7
Zak Ottow: 14/7
Sergio Moraes: 14/7
Kamaru Usman: 14/7
Warley Alves: 30/21
Krzysztof Jotko: 30/21
Thales Leites: 30/21