LANCE!
06/03/2016
09:00
Rio de Janeiro (RJ)

Após sofrer sua primeira derrota no Ultimate, ao ser finalizado por Nate Diaz, no UFC 196, Conor McGregor deve fazer sua próxima apresentação nos penas, divisão que é o campeão. Pelo menos foi isso que o lutador adiantou na coletiva de imprensa após o evento. O lutador também fez questão de alfinetar rivais da categoria e admitiu ter gostado de atuar na divisão de cima.

- O corte de peso no pena é bem intenso, mas fiz isso sempre. Então acho que minha próxima luta será defendendo meu título. (...) Tenho que voltar para o que é meu e lembrar quem é o campeão. Vi que muita gente (nos penas) comemorou essa derrota. Não dá para entender isso. Comemoram algo que não estavam. Mas gostei dessa experiência nos meio-médios e não abandonei essa ideia de subir. Tenho que reconhecer que, com mais peso, não vai ser só um golpe, só dois golpes, só três golpes - disse o irlandês.

Com a próxima luta nos penas, existe a possibilidade de McGregor voltar a encarar José Aldo. O brasileiro inclusive já o desafiou nas redes sociais. Sobre isso, Conor admitiu que existe essa chance, mas criticou o fato do ex-campeão sempre se machucar e deixou a decisão da sua próxima luta com os fãs.

- É difícil não dar outra oportunidade ao Aldo, mas ele se machuca demais, sai das lutas. Já o Edgar está sempre disposto. Vamos ver o que os fãs querem que eu faça - afirmou, completando com mais uma provocação ao brasileiro.

"Comemorar derrota de outra pessoa é uma atitude de perdedor, e não de um campeão"

- Ele (Aldo) era a primeira opção, poderia estar aqui, mas não lutou, mesmo dizendo que me enfrentaria em qualquer hora, qualquer local. Comemorar derrota de outra pessoa é uma atitude de perdedor, e não de um campeão - cutucou o campeão dos penas do UFC.

Questionado sobre o duelo diante de Nate Diaz, McGregor admitiu que estava bem no combate, mas vai tirar esse revés de aprendizado e confirmou que ainda fará mais apresentações nas categorias de cima.

- O jogo é assim. Vencemos algumas, perdemos algumas. Eu aceitei a luta, e me dei mal. Tenho várias lições para aprender desta luta, mas estou feliz. Hoje eu venci o primeiro round, senti que estava vencendo o segundo até o Nate acertar uns bons golpes no final e finalizar. Eu vou voltar no futuro. Vou crescer com isso e voltarei mais forte após essa luta - completou