Luis Fernando Coutinho
19/07/2016
11:57
Rio de Janeiro (RJ)

O mais novo caso de doping de Jon Jones, que foi flagrado sob o uso de substâncias ilegais antes do UFC 200, pela Usada (Agência Antidoping dos Estados Unidos) provocou reação em diversos nomes do mundo das lutas. E um deles foi Junior Cigano. O ex-campeão dos pesados se declarou fã do americano, mas deixou claro que espera que o astro pague pelos seus erros fora do octógono.

Em encontro com a imprensa no Rio de Janeiro, o catarinense deu sua opinião a respeito da polêmica em que Jones está envolvido. 

- Acho que temos de partir do princípio que se você errou, você tem que pagar por isso. Acho que é meio difícil a Usada pegar alguma coisa se você não está tomando. Tudo o que vou tomar e penso em tomar, passa por uma equipe. É uma situação bem difícil. Vimos ele (Jones) chorando depois, confesso que sou fã, gosto de vê-lo lutando. Mas, se errou, tem que pagar - declarou o lutador.

Nesta segunda-feira, Jones foi suspenso de forma temporária pela Comissão Atlética do Estado de Nevada e deve ter novo julgamento em breve. Ele foi flagrado sob o uso de hidroxiclomifeno e para metabólitos de Letrozole, usado em pacientes com câncer de mama . A expectativa é que ele seja suspenso por até dois anos.