LANCE!
01/04/2016
12:30
Rio de Janeiro (RJ)

A conduta de Jon Jones fora do octógono segue trazendo problemas para o ex-campeão dos meio-pesados. Depois de um 2015 recheado de problemas com a polícia e até doping, o lutador foi preso por dois dias e liberado pela justiça por levar cinco multas - uma delas por desacato a autoridade - e violar sua liberdade condicional. O caso irritou o presidente do UFC Dana White.

Em entrevista ao TMZ Sports, Dana declarou sua opinião ao ver o astro envolvido em mais um caso de polícia e criticou a postura do atleta, que durante uma abordagem chegou a chamar o policial de "porco e nojento".

- Não tive a chance de falar com ele, mas vou dizer uma coisa: se sou parado pela polícia, viro o cara mais educado que você já viu. O que ele fez é a coisa mais estúpida que você pode fazer, especialmente se estiver na posição dele. Acho que Jones nunca será o Jones que as pessoas esperam. Acho que ele tentou tanto tempo ser o "bom garoto" que isso o deixou louco. Acho que agora ele será ele mesmo - comentou.

Jon Jones volta ao octógono no dia 23 de abril, pelo UFC 197, contra Daniel Cormier, em disputa de cinturão dos meio-pesados. Ele não luta desde janeiro de 2015, quando venceu exatamente Cormier, na decisão dos juízes.