Luis Fernando Coutinho
21/09/2016
11:39
Rio de Janeiro (RJ)

Quando era peso-galo (até 61kg), Renan Barão era conhecido por ser um dos lutadores mais complicados de se entrevistar em semana de luta. Em maio a um corte de peso agressivo, o potiguar dava respostas secas, não esboçava sorrisos... Agora, um peso-pena (até 66kg), a história é outra. Com sorriso no rosto e "comendo bem", o atleta da Nova União comemora a chance de usar sua "malandragem" para conquistar a primeira vitória na divisão.

ASSISTA AO UFC BRASÍLIA AO VIVO


Barão encara Phillipe Nover na co-luta principal do UFC Brasília, que acontece neste sábado. Em conversa recente com a imprensa, o brasileiro esbanjou bom humor e comentou a mudança de categoria.

- Não era nem uma questão de não querer falar, de mau humor. Era algo difícil que eu sentia, boca seca. Tentava ser gentil, mas nós erramos também. Quando fechava uma luta no UFC já pensava que tinha que perder "aquele peso todo". Não estava mais pensando na luta, só pensava na balança e isso me atrapalhou muito. Sempre sofri no corte de peso. Agora estou comendo bem. Estou feliz de lutar no Brasil. O Nover não é um cara tão bem ranqueado, mas o treinamento foi o mesmo. Estou forte, focado. Estou tranquilo, só quero a vitória - explicou Barão.

Sua primeira apresentação na categoria dos penas aconteceu em maio, quando acabou derrotado por Jeremy Stephens em combate emocionante de três rounds. Mais adaptado ao peso, Barão quer usar a "malandragem" que faltou na primeira luta e o fez se desgastar rápido.

- O foco agora é lutar nessa categoria. Não estava rendendo bem nas minhas lutas. Me sinto forte, bem e faltam poucos ajustes. O treinamento é bem mais puxado e intensivo. Agora tenho energia para poder treinar forte. Minha estreia nos penas foi uma grande luta, muito dura. Acho que foi só o começo, vou travar grandes batalhas ainda nessa categoria. Eu dei uma desgastada, agora vou usar mais a malandragem na hora da luta, será importante. Sofri com o desgaste, estava bem no começo, mas puxei muito a musculatura. Agora é usar mais a malandragem e vencer - prometeu.

Além de Barão x Nover, o UFC Brasília conta com Cris Cyborg x Lina Lansberg na luta principal, além das apresentações de nomes como Antônio Pezão, Francisco Massaranduba, Erick Silva, Gilbert Durinho e muito mais.

Confira as lutas do UFC Brasília:
Cris Cyborg x Lina Lansberg
Renan Barão x Phillipe Nover
Antônio Pezão x Roy Nelson
Francisco Massaranduba x Paul Felder
Thiago Marreta x Eric Spicely
Godofredo Pepey x Mike de La Torre
Card preliminar
Michel Trator x Gilbert Durinho
Rani Yahya x Michinori Tanaka
Jussier Formiga x Dustin Ortiz
Erick Silva x Luan Chagas
Alan Nuguette x Steven Ray
Vicente Luque x Hector Urbina
Glaico França x Gregor Gillespie