LANCE!
25/09/2016
12:56
Brasília (DF)

A nova apresentação avassaladora de Cris Cyborg no octógono provocou diversas reações no mundo das lutas. Diante da dificuldade que tem para baixar de peso, já que é uma atleta peso-pena (até 66kg), mas se apresentou no UFC Brasília, neste sábado, em peso casado até 63,5kg, o comentarista do UFC, Joe Rogan, pediu a criação da divisão peso pena feminino no show.

Via Twitter, Rogan alertou para o perigo de lutadores fazerem cortes de peso muito agressivos ao corpo. Vale lembrar que Cyborg teve de cortar 11kg em cinco dias para se apresentar no UFC Brasília.

- Por favor, UFC, abra a categoria peso-pena para Cyborg. Ela se torturando para bater 63,5kg é insano e ela é incrivelmente empolgante. O MMA feminino está crescendo e isso seria incrível se tivessem mais divisões de peso. Acho que se o UFC abrir mais divisões o nível de talento iria crescer como nunca. O nível de talentos na divisão está crescendo e Cyborg seria uma grande campeã - opinou Rogan, que depois deixou claro que apesar de seu comentário a decisão é do UFC.

Cris Cyborg já fez duas lutas no UFC. Ambas em peso casado, até 63,5kg. O UFC atualmente não considera criar uma categoria peso-pena feminino.