McGregor

                            Os chutes baixos de McGregor fizeram com que o irlandês fraturasse o pé - (Foto: UFC)

LANCE!
23/08/2016
10:09
Las Vegas (EUA)

A guerra travada por Conor McGregor contra Nate Diaz, no UFC 202, no último sábado (20), em Las vegas (EUA), deixou sequelas no lutador. O irlandês sofreu uma fratura no tornozelo do pé esquerdo e uma suspensão médica, imposta pela Comissão Atlética de Nevada, até o dia 17 de fevereiro do ano que vem. 

No entanto, o campeão dos penas pode ser liberado antes da data determinada caso seja autorizado por um médico ortopedista. Já Nate Diaz, que foi derrotado na decisão majoritária dos juízes, pegou uma suspensão mais branda e está impedido de lutar até o dia 20 de setembro.

Nocauteado em apenas 16 segundos por Anthony Johnson, com um duro upper no queixo, o brasileiro Glover Teixeira está proibido de lutar até o dia 19 de novembro, enquanto seu rival, que saiu ileso, não sofreu qualquer tipo de suspensão médica.

Confira a lista completa de suspensões médicas do UFC 202:
Conor McGregor: Precisa ter o pé esquerdo liberado por um ortopedista, ou ficará sem lutar até 17 de fevereiro de 2017. Suspensão mínima até 20 de outubro e sem contato nos treinos até dia 5 do mesmo mês.

Nate Diaz: Suspenso até 20 de setembro e sem contato nos treinos até dia 11 do mesmo mês.

Glover Teixeira: Suspenso até 19 de novembro e sem contato nos treinos até dia 20 de outubro.

Rick Story: Suspenso até o dia 5 de outubro e sem contato nos treinos até 20 de setembro.

Hyun Gyu Lim: Suspenso até o dia 5 de outubro e sem contato nos treinos até 20 de setembro.

Sabah Homasi: Suspenso até o dia 20 de outubro e sem contato nos treinos até o dia 5 do mesmo mês.

Takeya Mizugaki: Suspenso até o dia 5 de outubro e sem contato nos treinos até o dia 20 de setembro.

Artem Lobov: Precisa ter a perna e o tornozelo direitos submetidos a exame de raio-x. Precisará ser liberado por um ortopedista ou ficará sem lutar até 17 de fevereiro.

Chris Avila: Suspenso até 20 de setembro e sem contato nos treinos até dia 11 do mesmo mês.

Lorenz Larkin: Suspenso até 5 de outubro e sem contato nos treinos até dia 20 de setembro por causa de cortes no supercílio esquerdo e na canela.

Neil Magny: Precisa fazer exame de raio-x na perna esquerda. Caso se constate uma lesão, precisará de liberação de um ortopedista ou ficará sem lutar até 17 de fevereiro. Suspensão mínima até 20 de setembro e sem contato nos treinos até o dia 11 do mesmo mês.

Max Grifin: Suspenso até 20 de outubro e sem contato nos treinos até o dia 5 de outubro.

Marvin Vettori: Suspenso até o dia 5 de outubro e sem contato nos treinos até 20 de setembro por causa de um corte no supercílio esquerdo.