Luis Fernando Coutinho
10/07/2016
01:43
Las Vegas (EUA)

O retorno mais esperado da noite histórica do UFC 200, ocorrido neste sábado, em Las Vegas (EUA), foi o de Brock Lesnar. E apesar de ter faltado brilho, o ex-campeão dos pesados conseguiu uma performance inteligente para dominar Mark Hunt, evitar os ataques poderosos do neozelandês e garantir a vitória na decisão unânime dos juízes após quase três anos de afastamento. 

Respeitando o poder de nocaute do rival, Brock teve paciência para se aproximar de Hunt e impor seu jogo de wrestling, com o qual controlou o combate no solo em boa parte do show. Lesnar soube evitar a trocação de Mark, que pouco fez além de apostar nas suas mãos. 

Brock Lesnar amplia seu cartel para seis vitórias e três derrotas no MMA. O americano voltou após quase três anos afastado devido a uma diverticulite e bateu Hunt, que é top 10 da divisão dos pesados.

A LUTA
​Lesnar começou o duelo como quem começa a lidar com uma fera. Cauteloso quanto ao poder nas mãos de Hunt, o americano teve paciência para encontrar a hora certa de tentar a derrubada. Após breve estudo, ele conseguiu mergulhar e pressionar Mark na grade. Lesnar fez força até conseguir derrubar Hunt. No solo, trabalhou as posições para atacar o rival. Ele conseguiu aplicar alguns socos que assustaram Hunt. O neozelandês conseguiu tirar as costas do chão, correu para grade, mas logo Brock o derrubou de novo, conseguindo até uma montada, onde aplicou alguns socos por cima até o soar do gongo.

Na segunda etapa, o primeiro ataque foi um direto de Hunt que entrou na guarda, sem fazer efeito em Lesnar. Cercando, Hunt buscou encaixar sua poderosa mão, enquanto Brock se movimentava e tentava a derrubada de forma frustrada. Foram várias tentativas mal sucedidas até que ele conseguiu segurar Hunt na grade. O neozelandês buscou por todo o round encaixar um soco, que sempre foi defendido por Lesnar ou caía na guarda do ex-campeão.

O último assalto se iniciou com Hunt cercando, até que Brock conseguiu se aproximar, colocou para baixo e logo começou a bater por cima. Lesnar ficou perto de conseguir a montada, e aos poucos foi evoluindo a posição, sempre batendo por cima. Hunt resistia aos ataques sem muito se movimentar. Brock manteve o duelo no solo até o fim e garantiu o triunfo na decisão dos juízes.