LANCE!
28/03/2017
12:04
Rio de Janeiro (RJ)

Atual campeão dos médios do UFC, Michael Bisping tem pressa. Depois de fazer sua primeira defesa de cinturão em outubro passado, o astro inglês passou por uma cirurgia no joelho, acertou a superluta com Georges Saint-Pierre pelo título, mas está disposto a mudar seus planos caso o canadense não aceite lutar no dia 8 de julho, em Las Vegas (EUA), na "semana internacional da luta".

Durante a última edição de seu podcast "Believe You Me", Bisping revelou ter ouvido rumores de que GSP estaria tentando adiar seu retorno de julho para setembro ou outubro. Isso irritou o campeão.

- Parece que GSP está tentando adiar a data mais para o fim do ano. Ouvi que eles querem setembro ou outubro e isso é o que o UFC me falou também. Se ele quiser esperar até setembro ou outubro, então ele pode procurar outro oponente. Eu dou as cartas aqui. Sem querer parecer um babaca, mas é o meu cinturão. Eu sou o campeão, e não estou disposto a sentar e esperar até setembro ou outubro - declarou o inglês.

O astro inglês ainda deixou claro que se Saint-Pierre precisar de mais tempo, Yoel Romero pode ser seu próximo rival no octógono do UFC em disputa de cinturão válida pelos médios.

- Se ele não estiver pronto, acho que Yoel Romero ganha a chance pelo cinturão. Eu não tenho medo de Romero. Se GSP quiser lutar, estou disposto. Mas não estou disposto a esperar, ele não dá as cartas. Tenho o cinturão e quero lutar. Estou no meu auge. Não quero esperar um ano. Se não lutarmos até setembro ou outubro, seria um ano, e não estou disposto a esperar esse tempo por ele. Se ele precisar de mais tempo, nós daremos, mas você não pode ficar esperando eternamente - finalizou.

Michael Bisping teve a superluta contra Georges Saint-Pierre anunciada em disputa de título dos médios que ainda não tem data e nem local para acontecer na temporada.