LANCE!
07/07/2016
18:15
Las Vegas (EUA)

Jon Jones sempre classificou Anderson Silva como uma de sua maiores inspirações. E agora ele parece ganhar mais um motivo para tratar Spider como seu grande ídolo. Depois de ver a revanche contra Daniel Cormier cancelada pelo envolvimento em novo caso de doping antes do UFC 200, o americano pode ver Anderson como "salvador" para enfrentar seu maior rival. Segundo noticiou o Combate, Spider foi escolhido para substituir Jones e encarar Cormier na luta principal do show que acontece neste sábado.

Segundo a reportagem, o duelo vai acontecer pelos meio-pesados, mas não vale o título da divisão. O confronto é válido para três rounds. 

Não é a primeira vez que Anderson Silva salva um evento do UFC de perder seu prestígio. Em outubro de 2012, exatamente a última vez que venceu no octógono, Spider encarou Stephan Bonnar em chamado de última hora para suprir a baixa de José Aldo x Erik Koch. Na última vitória, inclusive, Spider atuou pelos meio-pesados - ele é naturalmente um peso médio. As únicas três vezes que lutou nos meio-pesados pelo UFC, Anderson nocauteou seus rivais no primeiro round.


O lutador chegou a publicar em sua conta pessoal no Instagram uma imagem com os dizeres: "É hora de Spider", junto a logo do UFC 200, e a mensagem: Vegas, aí vamos nós", sugerindo, de fato, a entrada no evento histórico. O brasileiro já estava programado para viajar rumo a cidade devido a introdução de Rodrigo Minotauro no Hall da Fama do UFC. Spider entregará o prêmio a Minotauro.

Spider vem de derrota para Michael Bisping, em fevereiro, em decisão polêmica, no UFC Londres. O brasileiro chegou a ser escalado para enfrentar Uriah Hall no UFC 198, em maio, mas precisou passar por uma cirurgia e saiu da disputa.