Luis Fernando Coutinho
09/06/2016
11:27
Rio de Janeiro (RJ)

Aconteceu na noite desta quarta-feira a pré-estreia do filme "Mais forte do que o mundo - A história de José Aldo", no Rio de Janeiro. O evento reuniu o ex-campeão dos penas do UFC, amigos do lutador, a mulher, Vivianne Oliveira, e os atores da produção.

Além de falar sobre o filme, o lutador projetou uma segunda edição da história contada nos cinemas, com a rivalidade com Conor McGregor como pano de fundo. Aos 30 anos, o manauara acredita que ainda tem muito a realizar. 

Ontem na pré-estreia #maisfortequeomundo obrigado galera de Sampa pelo carinho!! #maisfortequeomundo #ofilme #ofilmedaminhavida

Uma foto publicada por josealdojunioroficial (@josealdojunioroficial) em


- Estamos conversando (sobre uma continuação do filme) pelo fato de que ainda temos uma história grande pela frente. Assim com o filme do Rocky. Se isso acontecer, o céu é o limite. Eu retomando o cinturão, essa história ia ficar boa. Eu acho que meu próximo passo é retomar o cinturão, meu foco é esse. Batendo o (Frankie) Edgar vamos ver o que fazemos. Temos algumas contas a acertar (com o Conor) - explicou o atleta, em conversa com a imprensa.

Aldo assistiu o filme pela primeira vez na última segunda-feira, na pré-estreia promovida em São Paulo. Ele relatou o sentimento diante da obra cinematográfica sobre sua vida.

- Só tenho a agradecer a emoção que me deram. Minha história sendo contada no cinema, só tenho a agradecer... O filme ficou muito show. A primeira vez senti uma emoção muito grande, não percebi muito o que estava acontecendo. Só agradeci a Deus por aquilo estar acontecendo. Não tem como não chorar. Fã de lutas ou não, as pessoas vão se emocionar. Ficou bastante forte e bonito a relação entre eu e meu pai. Essa coisa de ser vilão e herói é muito bonito. Mais difícil de rever foram as dificuldades, principalmente o início do filme, era um moleque meio doido da cabeça, avoado. Era menino, não tinha o que fazer, então saía pra rua e arrumava confusão - recordou.

O filme Mais forte do que o mundo estreia no próximo dia 16 de junho, em todo o Brasil. José Aldo volta ao octógono no dia 9 de julho, em Las Vegas (EUA), pelo UFC 200. O brasileiro enfrenta Frankie Edgar pelo cinturão interino da categoria dos penas.