LANCE!
01/06/2016
06:15
São Paulo (SP)

Os EUA recebem a partir desta sexta-feira a Copa América Centenário. Diferente da edição do ano passado, o Brasil não terá Neymar, que não foi chamado para poder jogar a Olimpíada do Rio de Janeiro. Com isso, Messi e Suárez são os candidatos a protagonistas do torneio, embora o uruguaio esteja machucado.

Eles, aliás, são os mais caros da edição deste ano. O argentino lidera a lista, avaliado em R$ 480,9 milhões. Suárez é o segundo, avaliado em R$ 360,7 milhões. Completa o pódio o colombiano James Rodríguez, reserva do Real Madrid campeão da Liga dos Campeões.

Com as ausências de Neymar e Douglas Costa, o mais valioso do Brasil é o atacante Hulk, do Zenit, da Rússia, avaliado em R$ 148,3 milhões. O valor é pouco superior ao preço do meia Lucas Moura, do PSG, convocado para a vaga de Rafinha, cortado por lesão. O ex-jogador do São Paulo é avaliado em R$ 140,2 milhões.

A Argentina é o país com mais jogadores entre os 15 mais caros, com cinco atletas, sendo que os dos seis mais valiosos, quatro são comandados por Tata Martino.