LANCE!
11/10/2016
06:30
São Paulo (SP)

O Barcelona tem certamente um dos ataques mais valiosos e caros do mundo do futebol e a folha salarial é desproporcional com os valores praticados no Brasil. O que pouco se fala é que até mesmo os menores salários do elenco são fora da realidade brasileira.

Vamos pegar como base o menor salário do elenco principal do Barcelona nesta temporada, divulgado pelo jornal Sport, o do goleiro Jordi Masip. Aos 27 anos, Masip veio da base e tem poucas partidas como profissional, mas ainda assim, ganha a quantia de 1,7 milhão de euros por ano, cerca de R$ 6 milhões/ano. Se dividirmos o valor em 12 meses, chegamos ao valor mensal de R$ 500 mil.

Isso mesmo, o terceiro goleiro do Barcelona recebe R$ 500 mil por mês, praticamente o teto salarial dos maiores clubes do Brasil. Um estudo da CBF, do começo do ano, apontou que apenas um jogador recebia mais do que isso no país.

A lista dos salários mais baixos do Barcelona tem ainda o brasileiro Rafinha, os goleiros Cillessen e Ter Stegen, Denis Suárez, Lucas Digne, Aleix Vidal, Sergi Roberto, Paco Alcácer, Umtiti e Mathieu, todos com ganhos inferiores a R$ 10,7 milhões/ano.