Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Foto: CLAUDIO REYES / AFP)

Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Foto: CLAUDIO REYES / AFP)

LANCE!
27/09/2016
15:18
Assunção (PAR)

Além do aumento de participantes e mudança de calendário, a Conmebol promoveu outra alteração para a Libertadores. A final da competição será disputada em jogo único, em campo neutro, copiando o modelo da Liga dos Campeões da Europa.

O presidente da entidade, Alejandro Domínguez, usou o Twitter para confirmar a novidade, dando uma justificativa.

- Analisando estatística das finais da Copa Libertadores, mandante no segundo jogo ganhou 7 de 10. Justiça desportiva exige final única em campo neutro - explicou Domínguez.