Lugano visita jogadores do Nacional em São Paulo (Foto: Reprodução/Twitter)

Lugano visita jogadores do Nacional em São Paulo (Foto: Reprodução/Twitter)

RADAR/LANCE!
04/05/2016
14:14
São Paulo (SP)

No dia em que o Corinthians enfrenta o Nacional pelo jogo da volta das oitavas de final da Copa Libertadores, o zagueiro do São Paulo, Diego Lugano, aproveitou a estadia dos compatriotas no Brasil para reencontrar seus companheiros de seleção em um hotel na capital paulista.

Formado nas categorias de base do clube uruguaio, Lugano conversou com todo o elenco, mas dedicou maior parte do tempo com os atletas que jogaram com ele na seleção do Uruguai: Jorge Fucile, Sebastián Eguren, Mauricio Victorino e Sebastián Fernández.

Sobre o jogo contra o Corinthians, Lugano avisou ao plantel do Nacional que a equipe do técnico Tite é perigosa quando joga em casa, mas também ressaltou o retrospecto negativo do Alvinegro nas decisões disputadas na Arena.

- O Corinthians jogará em casa com o apoio da sua torcida. Tem um campo muito rápido, então o jogo também é rápido, mas também é preciso ter calma, porque tiveram 100 partidas na casa nova, venceram 96, mas as quatro decisivas acabaram perdendo, inclusive a última contra o Audax - disse o zagueiro do São Paulo, em entrevista para um jornalista do Diario El Pais, em vídeo divulgado no twitter.

Corinthians e Nacional jogam nesta quarta-feira, às 21h45, na Arena. A primeira partida terminou com o empate sem gols no Uruguai e o Alvinegro precisa vencer para avançar para a próxima fase da Copa Libertadores. Em caso de empate com gols, a vaga fica com o time visitante e se houver um novo empate sem gols, a decisão será definida nos pênaltis. 

A equipe de Lugano também joga nesta quarta. O São Paulo enfrenta o Toluca , às 19h15, no Estádio Nemesio Diez, no México, com ampla vantagem, já que venceu a primeira partida por 4 a 0. O Tricolor poderá perder por até  três gols de diferença que mesmo assim avança à próxima fase da competição.