LANCE!
12/12/2016
07:10
São Paulo (SP)

A queda do Internacional para a Série B do Campeonato Brasileiro já era anunciada. Mudanças constantes de técnicos e de estilos de jogo e uma diretoria que se atrapalhou em suas decisões fizeram com que o Colorado deixasse um seleto grupo.

Desde 1971, quando o Campeonato Brasileiro começou a ser disputado, apenas seis clubes haviam sido rebaixados, Internacional, Cruzeiro, Flamengo, São Paulo, Santos e a Chapecoense. Em 1979, os paulistas não jogaram por divergências com a organização do torneio. Agora, o Brasil tem apenas cinco times que jamais caíram da Série A para a Série B.

Na Argentina, o Boca Juniors é o único dos chamados grandes que nunca caiu. Na primeira divisão desde 1913, os xeneizes viram todos os seus rivais na Série B. Arsenal de Sarandí (2002), Defensa y Justicia (2014), Aldosivi (2015) e Patronato (2016) também fazem parte da lista. O River Plate, grande rivald do Boca, caiu em 2011 e o Independiente, em 2013.

O futebol boliviano tem apenas três clubes que sempre jogaram na primeira divisão, The Strongest, Oriente Petrolero e Sport Boys Warnes, que subiu em 2013. No Chile, o Colo-Colo é o único que joga a liga principal e ainda não foi rebaixado.

Na Colômbia, Atlético Nacional, Santa Fé e Millonarios estão presentes em todas as temporadas da principal divisão. No entanto, Independiente Medellín, Junior, Once Caldas, Boyacá Chicó, La Equidad, Patriotas Boyacá, Alianza Petrolera e Jaguares nunca foram rebaixados. Neste ano, o tradicional América de Cali retornou à elite no país.

Assim como no Equador, onde o Barcelona está desde 1957 na Série A, mas com Independiente del Valle (2010), Mushuc Runa (2014), River Equador (2015) e Fuerza Amarilla (2016) sem cair. Na Venezuela, o Deportivo Táchira joga a divisão principal desde 1974, assim como Mineros (1983) e Caracas (1985). Recentemente, Aragua, Deportivo Anozategui, Zamora, Lara, Zulia, La Guaira e JNL del Zulia subiram para a elite e não saíram mais.

O Campeonato Paraguaio tem desde 1906 apenas duas equipes, Guaraní e Olimpia. O Cerro Porteño disputa desde 1913 sem cair e o Deportivo Capiatá, desde 2013. No Peru, o Universitario é o recordista ao jogar desde 1928. Sporting Cristal, Universidad de San Martín de Porres, Sport Huancayo, Inti Gas, Unión Comercio, Real Garcilaso, Comerciantes Unidos e Defensor La Bocana nunca caíram também.

Os mais antigos, no entanto, são os uruguaios Peñarol e Nacional. Eles estão na elite do país desde 1900 e 1901. Veja a galeria completa dos times que não caíram e desde quando disputam a divisão principal.