Rafael Macedo (à esquerda) foi medalha de prata na categoria 90 kg

Rafael Macedo (à esquerda) foi medalha de prata na categoria 90 kg (Crédito: IFJ)

LANCE!
02/10/2017
19:17
São Paulo (SP)

O saldo da participação da Seleção Brasileira de judô no Grand Prix de Zagreb, na Croácia, encerrado neste domingo, foi bastante positivo. Formada por vários integrantes da nova geração do judô nacional, a equipe brasileira deixou a competição com cinco medalhas, resultado que deixou o Brasil na terceira colocação no quadro geral da competição, com dois ouros, uma prata e dois bronzes.

O melhor resultado veio do judô feminino, a exemplo do que já havia ocorrido no Mundial de Budapeste, na Hungria, em agosto. Eleudis Valentim (52 kg) e Barbara Timo (70 kg) foram campeãs em suas respectivas categorias, enquanto Eduardo Katsuhiro (73 kg) e Jéssica Pereira (52 kg) ficaram com o bronze nos primeiros dias de disputa na Croácia.

Campeão mundial júnior no peso meio-médio (81kg), Rafael Macedo subiu recentemente para a categoria de cima (90kg) e já provou que tem potencial para o novo peso ao conquistar sua primeira medalha em etapas de Grand Prix. Após vencer por ippon David Kukovica (SLO) e David Klammert (CHE), o brasileiro encarou o líder do ranking mundial, Aleksandar Kukolj, da Sérvia.

Em combate eletrizante, Kukolj abriu um waza-ari de vantagem e Macedo respondeu com um ippon, que foi corrigido para waza-ari. Na sequência, o sérvio jogou o brasileiro novamente por waza-ari e ficou à frente do placar (2 a 1). Mais agressivo, Macedo emplacou três waza-aris em sequência para virar a disputa a seu favor em 4 a 2. O sérvio ainda marcou mais um waza-ari antes do encerramento da luta, mas não foi suficiente.

Na semifinal, o brasileiro superou outro cabeça-de-chave, Tural Safguliyev, do Zerbaijão, por ippon. Na decisão do ouro, Macedo acabou sofrendo o ippon do experiente Krisztian Toth, da Hungria, e terminou com a prata.