Grêmio

Grêmio bateu o Santos em casa por 3 a 2 (Foto: Divulgação/Site Oficial do Grêmio)

RADAR/LANCE!
29/06/2016
23:17
Porto Alegre (RS)

O treinador Roger Machado, do Grêmio, valorizou muito a entrega de seus jogadores na vitória desta quarta-feira sobre o Santos, por 3 a 2, na Arena do Grêmio. Quando o empate parecia ser o resultado definitivo, Marcelo Hermes fez o gol que deu o triunfo para os gaúchos.

- Um jogo com propostas distintas. Provamos um pouco do que proporcionamos aos nossos adversários com posse de bola e envolvimento. O gol no inicio nos deu a chance de jogarmos no contra-ataque. Ganhamos de um time muito bem treinando e com grandes individualidades. Nas circunstâncias, com um gol no final do jogo, de uma forma bastante especial, nos motiva muito. E isso vai para o jogo do final de semana. Não só por passar nosso tradicional adversário, mas por termos vindo de duas derrotas - analisou Roger.

O comandante também falou na coletiva sobre o que pensou na reta final de partida, quando o jogo ainda estava empatado em 2 a 2.

- Ali começa a pensar, olhei no relógio e vi que tinha mais 10 minutos. Jogando em casa, e se fosse fora tentaria segurar o ponto, tinha que tentar algo a mais. Por isso o Guilherme no lugar do Everton. Pela saída do Thyere, o Hermes deu folego pelo lado novamente. Temos que buscar até o ultimo minuto. Se ganha no primeiro ou no último.

O próximo compromisso do Grêmio na competição é o clássico contra o Internacional, no próximo final de semana. Roger falou sobre o que espera do duelo contra o maior rival.

- A gente projeta um clássico muito disputado, vale três pontos, mas três pontos muito importantes. Vinhamos de insucessos, projeto um jogo difícil. O time do Argel tem uma equipe leve e técnica, que marca muito forte, e busca os lados do campo. Isso gera dificuldades, mas vamos preparar a estratégia até domingo. Será importante descansar os caras, temos saído bem desgastados das partidas.