Miller Bolaños distribuiu autógrafos e mostrou otimismo por títulos (Foto: Reprodução / Twitter)

Miller Bolaños renderá operação para o Grêmio também devido à Libertadores (Foto: Reprodução / Twitter)

RADAR / LANCE!
09/02/2016
16:15
Porto Alegre (RS)

A "odisseia" em torno de Miller Bolaños não chegou ao fim com a chegada do meia-atacante ao Grêmio. Após garantir a contratação do equatoriano por três temporadas, o clube agora correrá contra o tempo para inscrevê-lo na fase de grupos da Copa Libertadores até 48 horas antes da estreia na competição - contra o Toluca (MEX), no dia 17 de fevereiro.

O vice-presidente jurídico do Tricolor gaúcho, Nelson Hein, diz que o clube mobilizou seis advogados para acertar o contrato do equatoriano até a próxima segunda-feira:

- Temos um organograma de tarefas distribuído entre diversos setores do clube para registrá-lo a tempo. Quando se faz um investimento deste nível, temos que dar uma resposta o mais rápido possível. Confiamos que o prazo será cumprido - revelou, ao "Zero Hora".

O Grêmio espera que a chegada dos documentos pessoais de Bolaños seja concluída nesta sexta-feira. Ao mesmo tempo, há a expectativa de que o Emelec (EQU) envie a tempo o vínculo de rescisão do meia-atacante à Federação Equatoriana.

Segundo a Rádio Gaúcha, o jogador de 25 anos definiu que utilizará a camisa 23 neste ano pelo Tricolor gaúcho.