icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
27/08/2015
13:25

O ex-jogador Emerson está confiante com o Grêmio, onde foi revelado e atuou de 94 a 97. Capitão da Seleção em algumas oportunidades - teria a tarja no Mundial de 2002 não tivesse sido cortado por lesão - e com presença na Copa de 98, ele vê no treinador gremista Roger potencial para chegar no comando da Amarelinha.

- É um cara que se preparou, passou pelas etapas que o profissional deve passar no futebol, passo a passo, foi se aprimorando. O Grêmio fez certo em dar essa oportunidade pra ele. Vou até arriscar aqui uma coisa hoje, porque eu acredito que ele daqui alguns anos pode chegar a ser treinador de Seleção Brasileira. Conheço muito bem ele, cara focado no que faz e está se atualizando a todo momento - opinou em entrevista exclusiva ao programa Bate-Bola, da ESPN.

Os elogios não param por ai. Além de Roger, Emerson exaltou o "diferente" atacante Luan, que já marcou cinco gols neste Campeonato Brasileiro e é o artilheiro do time na competição.

- Acredito que hoje o Luan é o diferencial, que quando está no dia dele consegue desequilibrar pelo seu pontecial técnico. Estou gostando muito também do Fernandinho nos últimos jogos, está voltando a ser o Fernandinho que eu vi no Atlético-MG, São Paulo. Isso também é merito do Roger. Mas acho que o Luan é o jovem que é diferencial pra equipe do Grêmio - disse.

Bicampeão da Copa do Brasil pelo Grêmio, Emerson vê o clube preparado para o pentacampeonato da competição neste ano.

- Copa do Brasil a gente sabe que é competição mais curta, o Gremio tem histórico, sabe jogar ela, e eu acho que o Gremio tem grandes chances sim de ganhar o titulo. Se o Grêmio fizer o que vem fazendo, não vai ter nenhum tipo de problema e pra mim é o grande candidato pra ser campeão da Copa do Brasil - concluiu.

O Grêmio enfrenta o Coritiba nesta quinta-feira, às 21h, na Arena de Porto Alegre, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Como venceu o primeiro duelo por 1 a 0 em Curitiba, o Tricolor tem a vantagem do empate.

O ex-jogador Emerson está confiante com o Grêmio, onde foi revelado e atuou de 94 a 97. Capitão da Seleção em algumas oportunidades - teria a tarja no Mundial de 2002 não tivesse sido cortado por lesão - e com presença na Copa de 98, ele vê no treinador gremista Roger potencial para chegar no comando da Amarelinha.

- É um cara que se preparou, passou pelas etapas que o profissional deve passar no futebol, passo a passo, foi se aprimorando. O Grêmio fez certo em dar essa oportunidade pra ele. Vou até arriscar aqui uma coisa hoje, porque eu acredito que ele daqui alguns anos pode chegar a ser treinador de Seleção Brasileira. Conheço muito bem ele, cara focado no que faz e está se atualizando a todo momento - opinou em entrevista exclusiva ao programa Bate-Bola, da ESPN.

Os elogios não param por ai. Além de Roger, Emerson exaltou o "diferente" atacante Luan, que já marcou cinco gols neste Campeonato Brasileiro e é o artilheiro do time na competição.

- Acredito que hoje o Luan é o diferencial, que quando está no dia dele consegue desequilibrar pelo seu pontecial técnico. Estou gostando muito também do Fernandinho nos últimos jogos, está voltando a ser o Fernandinho que eu vi no Atlético-MG, São Paulo. Isso também é merito do Roger. Mas acho que o Luan é o jovem que é diferencial pra equipe do Grêmio - disse.

Bicampeão da Copa do Brasil pelo Grêmio, Emerson vê o clube preparado para o pentacampeonato da competição neste ano.

- Copa do Brasil a gente sabe que é competição mais curta, o Gremio tem histórico, sabe jogar ela, e eu acho que o Gremio tem grandes chances sim de ganhar o titulo. Se o Grêmio fizer o que vem fazendo, não vai ter nenhum tipo de problema e pra mim é o grande candidato pra ser campeão da Copa do Brasil - concluiu.

O Grêmio enfrenta o Coritiba nesta quinta-feira, às 21h, na Arena de Porto Alegre, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Como venceu o primeiro duelo por 1 a 0 em Curitiba, o Tricolor tem a vantagem do empate.