icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
26/08/2015
12:43

O Grêmio tem um novo projeto para a Arena do clube. Desta vez, o Tricolor Gaúcho deseja modificar os bairros em torno de seu estádio, utilizando a La Bombonera, palco de jogos do time do Boca Juniors em Buenos Aires como exemplo. Os locais envolvidos seriam o Humaitá, Farrapos e Navegantes.

Na última terça-feira, o presidente gremista, Romildo Bolzan Júnior, junto de dirigentes do time e do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, apresentaram aos líderes comunitários dos bairros o projeto. A intensão dos tricolores é fazer como La Boca, bairro onde está sediado o popular clube argentino: pintar prédios das cores do clube e tornar o local interessante a comércio e visitação.

- Era uma iniciativa do presidente Romildo já definida durante sua campanha. Ter uma área de responsabilidade social com a comunidade do entorno da Arena, que é periférica na cidade. Tivemos contrapartidas sociais da construtora que ainda estão em aberto. Mas o clube vai investir mais. Começamos a construir um diálogo para melhorias do bairro - explicou Alexandre Meyer, Conselheiro do clube, complementando:

- A ideia é envolver a comunidade na integração de melhorias em canteiros, praças, estruturas. Uma campanha de pintura nas cores do Grêmio de casas e prédios, com apoio de iniciativa privada. Um ambiente integrado do ponto de vista arquitetônico, do azul da Arena com as cores da comunidade. E precisamos de apoio da comunidade para isso - completou.

Apesar do projeto de reformular os bairros, os gremistas terão que convencer além dos moradores tricolores, os torcedores do Internacional que vivem no local. Para Alexandre, esse obstáculo pode ser superado, e já até existe uma estratégia para isso.

- O clube não tem condições de interferir no desejo das pessoas ou sua liberdade. Mas queremos criar um processo de convencimento para termos um bairro mais bonito, atrativo e rentável. Haverá uma valorização de imóveis também ali. Temos muitos colorados e gremistas na região. Mas se as lideranças nos apoiarem, o colorado poderá ter sua casa branca - concluiu.

Os gastos parcerias com a iniciativa privada e a prefeitura de Porto Alegre. No dia 13 de setembro o projeto será oficialmente lançado pelo Grêmio, com as primeiras imagens do futuro Bairro Tricolor.

O Grêmio tem um novo projeto para a Arena do clube. Desta vez, o Tricolor Gaúcho deseja modificar os bairros em torno de seu estádio, utilizando a La Bombonera, palco de jogos do time do Boca Juniors em Buenos Aires como exemplo. Os locais envolvidos seriam o Humaitá, Farrapos e Navegantes.

Na última terça-feira, o presidente gremista, Romildo Bolzan Júnior, junto de dirigentes do time e do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, apresentaram aos líderes comunitários dos bairros o projeto. A intensão dos tricolores é fazer como La Boca, bairro onde está sediado o popular clube argentino: pintar prédios das cores do clube e tornar o local interessante a comércio e visitação.

- Era uma iniciativa do presidente Romildo já definida durante sua campanha. Ter uma área de responsabilidade social com a comunidade do entorno da Arena, que é periférica na cidade. Tivemos contrapartidas sociais da construtora que ainda estão em aberto. Mas o clube vai investir mais. Começamos a construir um diálogo para melhorias do bairro - explicou Alexandre Meyer, Conselheiro do clube, complementando:

- A ideia é envolver a comunidade na integração de melhorias em canteiros, praças, estruturas. Uma campanha de pintura nas cores do Grêmio de casas e prédios, com apoio de iniciativa privada. Um ambiente integrado do ponto de vista arquitetônico, do azul da Arena com as cores da comunidade. E precisamos de apoio da comunidade para isso - completou.

Apesar do projeto de reformular os bairros, os gremistas terão que convencer além dos moradores tricolores, os torcedores do Internacional que vivem no local. Para Alexandre, esse obstáculo pode ser superado, e já até existe uma estratégia para isso.

- O clube não tem condições de interferir no desejo das pessoas ou sua liberdade. Mas queremos criar um processo de convencimento para termos um bairro mais bonito, atrativo e rentável. Haverá uma valorização de imóveis também ali. Temos muitos colorados e gremistas na região. Mas se as lideranças nos apoiarem, o colorado poderá ter sua casa branca - concluiu.

Os gastos parcerias com a iniciativa privada e a prefeitura de Porto Alegre. No dia 13 de setembro o projeto será oficialmente lançado pelo Grêmio, com as primeiras imagens do futuro Bairro Tricolor.