Coritiba x Figueirense

Meio-campo alviverde, liderado por Raphael Veiga, não funcionou contra o Figueira. (Foto: Guilherme Artigas/LANCE!Press)

Guilherme Moreira
13/10/2016
16:16
Curitiba (PR)

O empate sem gols diante do Figueirense, no Couto Pereira, na quarta-feira, manteve o Coritiba perto da zona de rebaixamento da Série A. Com o clássico Atletiba pela frente, o time coxa-branca vê o duelo como obrigação de vencer.

Antes do tropeço em casa, o Verdão acredita que poderia sonhar com algo maior dentro da competição, como brigar pelo G-6 e uma vaga para a Libertadores. O mau resultado, entretanto, freou essa projeção.

- Temos que pensar jogo após jogo, porque é um final de campeonato muito difícil. Mas nós vamos corrigir para a próxima partida. Nós temos que ter uma postura agressiva contra o Atlético-PR e tem que pensar em vencer. Temos a mesma obrigatoriedade - afirmou o técnico Paulo César Carpegiani. 

O lateral Benítez e o zagueiro Nery Bareiro receberam o terceiro cartão amarelo e estão suspensos para o confronto do final de semana. O comandante alviverde, na coletiva de imprensa, não se mostrou preocupado e diz já ter um time definido.

- Eu não lamento nunca a ausência deste ou daquele jogador. Eu estou satisfeito em enfrentar o Atlético-PR com o que tenho. Nossa equipe está praticamente definida, não tem o que esconder. Gosto de equipes seguras, mas que agridam. Será um duelo em que as duas equipes terão a obrigação de vencer - completou.

Décimo segundo colocado com 37 pontos, a quatro do Z4, o Coritiba pode ser ultrapassado no complemento da rodada. No domingo, às 17h, o Coxa encara o Atlético-PR, na Vila Capanema, pela trigésima primeira rodada do Campeonato Brasileiro.