elenco Paraná

A rodagem do elenco paranista, que seria usado na reta final, foi revista. (Divulgação/Paraná)

Guilherme Moreira
16/03/2016
08:05
Curitiba (PR)

O empate por 0 a 0 contra o Cascavel no último domingo, na Vila Capanema, pela nona rodada do Campeonato Paranaense, fez o Paraná mudar de planos. Com mais dois jogos, o Tricolor decidiu continuar com o time titular na reta final da primeira fase.

A ideia, antes do duelo do final de semana, era de somar os três pontos, manter a liderança e poder fazer testes com jogadores da base nas duas rodadas que restavam. Como não deu certo, o técnico Claudinei Oliveira desistiu do discurso anterior.

Além do empate em casa, a equipe paranista vinha de derrota no clássico para o Coritiba, uma semana antes. E a vitória do J. Malucelli em cima do Verdão fez o Paraná cair para a segunda colocação do Estadual. 

- Vou ter que ganhar em algum lugar, ou em Foz ou em Cornélio Procópio. O problema de Foz é o desgaste da viagem. Vamos ver se tem alguém que precise descansar, mas não penso em desconfigurar a equipe. Se tivéssemos ganhado , aí poderíamos ir com uma equipe B, mas com o resultado não podemos determinar nada com antecedência - comentou o comandante.

O elenco volta aos trabalhos nesta quarta-feira. O goleiro Marcos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, fica fora da próxima partida. Anderson Uchôa, com dores no pé, e o lateral-esquerdo Fernandes, com um problema no ombro, tentam se recuperar para ficar à disposição. Já o artilheiro Lúcio Flávio sentiu dores na coxa novamente e, após atuar no domingo durante o segundo tempo, nem deve ser relacionado.

Domingo, às 16h, o time da capital joga diante do Foz de Iguaçu, no interior do Estado. Depois ainda encara o PSTC, também fora de casa, fechando a primeira fase da competição. Com 19 pontos em nove jogos e um aproveitamento de 70,4%, o Tricolor é o segundo colocado no momento.