Marcos Guilherme tem vínculo até 2019

Marcos Guilherme tem vínculo até 2019. Divulgação/Atlético-PR

Guilherme Moreira
05/02/2016
15:27
Curitiba (PR)

Considerado uma jóia dentro do CT do Caju, o meio-campista Marcos Guilherme não fez boas apresentações em 2016. A torcida tem o perseguido, mas o atleta recebeu apoio de um aliado importante: Cristóvão Borges.

Nos três primeiros jogos do ano, um pela Primeira Liga e dois pelo Campeonato Paranaense, o atleta foi titular em todas. Nas últimas duas partidas, o atleta acabou substituído no segundo tempo e, diante do Maringá, recebeu vaias da torcida no Eco-Estádio durante quase todo o duelo.

Com 20 anos, tendo idade para disputar as Olimpíadas do Rio de Janeiro deste ano, Marcos Guilherme ainda aposta na sua convocação. E o clube também. Apesar disso, o treinador atleticano nega que sua escalação esteja sendo forçada e avalia, diferente dos torcedores, que o meia tem feito um bom papel.

- Não está em um momento ruim, avaliação precipitada. Ele é jovem, da casa, tem potencial, inclusive de Seleção, e vamos apoiar. Ele faz uma função desgastante, participa bastante e tem jogado bem. Estou satisfeito e contente - avaliou o comandante rubro-negro.

Em agosto de 2015, Marcos Guilherme recebeu aumento salarial e estendeu seu vínculo com o Furacão até 2019. Na próximo quarta-feira, às 21h45, o Atlético-PR volta a campo para enfrentar o Rio Branco, fora de casa, pela terceira rodada do Estadual.