Paraná x Paysandu

Tricolor esbarrou na retranca do adversário. (Reprodução/PFC)

Guilherme Moreira
12/07/2016
23:34
Curitiba (PR)

O Paraná decepcionou novamente e empatou por 0 a 0 com o Paysandu nesta terça-feira, na Vila Capanema, pela décima sexta rodada da Série B. A igualdade mantém o Tricolor fora do G-4, com a diferença para o grupo podendo subir no complemento dos jogos. O Papão, que não sofre gols há nove partidas no torneio, acumula o quinto empate consecutivo sem gols.

Logo com 3, em boa trocas de passes, Rafael Carioca recebeu da esquerda e cruzou para Lúcio Flávio desviar e passar perto da trave. A resposta do time adversário foi aos 11, quando Mailson aproveitou o gramado molhado e arriscou de longe, com a bola indo para fora e assustando Marcos.

Com 17, em jogada bem tramada pelo ataque paranista, a zaga afastou e sobrou para Robson, que tocou para Murilo chutar bem e Emerson se esticar todo para evitar a abertura do placar, espalmando para escanteio. Dez minutos depois, Edson Ratinho roubou a bola no meio-campo, avançou e cruzou para Tiago Luís, sozinho, cabecear por cima do travessão.

Com dificuldades para chegar tocando a bola, devido a forte marcação do adversário, o Tricolor tentou explorar os chutes. Aos 37, Robson mandou uma bomba de fora da área nas mãos do goleiro. Com 42, Basso tentou arriscar e foi travado, com Válber aproveitando o rebote na meia-lua e isolando por cima. Na última chance, dessa vez do Papão, Tiago Luís arrancou no contra-ataque e tocou para Alexandro bater rasteiro para defesa de Marcos.

Na segunda etapa, o Paysandu praticamente abdicou de atacar e se fechou em seu campo defensivo. Pior para o Paraná, que seguia com dificuldades e errava muitos passes na criação, criando pouco.

Com 14, Diego Tavares fez boa jogada pela direita e cruzou na medida para Válber cabecear e Emerson fazer difícil defesa. Com 25, o volante Augusto Recife perdeu a bola e fez falta, levando o segundo cartão amarelo e, consequentemente, o vermelho. Assim, o duelo virou ataque contra defesa definitivamente.

Três minutos depois, Rafael Carioca bateu cruzado de longe e a bola passou perto da trave. Aos 30, entretanto, em jogada ensaia, Rafael Costa cruzou nas costas da zaga, Gualberto ajeitou para pequena área e Marcos se esticou para evitar a conclusão de dois atletas do time paraense. Na cobrança de escanteio, Gualberto antecipou ao goleiro e desviou de cabeça por cima.

Com 35, Henrique recebeu cobrança de lateral na ponta da área, girou e mandou no ângulo, mas o arqueiro fez linda defesa e espalmou para fora, evitando o gol. Aos 42, na base da pressão, a bola sobrou para Robson bater colocado da meia-luta próximo do travessão. Um minuto depois, Murilo chutou de longe nas mãos de Emerson. No último lance, com 47, Lúcio Flávio aproveitou cruzamento e ajeitou de cabeça para Robert, sozinho na pequena área, furar e perder a chance do gol.

O empate deixa o Paraná na quinta colocação, com 25 pontos, a dois do G-4 antes do término da rodada - o Paysandu é o décimo terceiro, com 20 pontos. Na próxima rodada, o Tricolor encara o Criciúma na sexta-feira, dia 22, às 19h15, no Heriberto Hulse, enquanto o Paysandu recebe o CRB no sábado, dia 23, às 16h, no Mangueirão.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 0X0 PAYSANDU

Local
: Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Data-Hora: 12/7/2016 - 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CE)
Assistentes: Arnaldo Rodrigues de Souza (CE) e Armando Lopes de Souza (CE)
Público/renda: 2.303 pagantes/R$ 42.865,00
Cartões amarelos: Lúcio Flávio, Nadson (PRC), Augusto Recife, Mailson, Gilvan, Lucas (PAY)
Cartão vermelho: Augusto Recife (PAY)

PARANÁ: Marcos; Diego Tavares, Alisson, Leandro Silva e Rafael Carioca; Basso, Nadson (Robert), Murilo e Válber (Henrique), Robson; Lúcio Flávio. Técnico: Marcelo Martelotte.

PAYSANDU: Emerson; Edson Ratinho, Fernando Lombardi, Gilvan e Lucas; Augusto Recife, Ricardo Capanema (Domingues), Jhonnatan e Tiago Luís (Gualberto); Mailson e Alexandro (Rafael Costa). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.