Sampaio Corrêa x Paraná

Tricolor mostrou melhora em alguns pontos, como na marcação. (Elias Auê/Sampaio Corrêa)

Guilherme Moreira
25/05/2016
08:15
Curitiba (PR)

O Paraná venceu o Sampaio Corrêa na terça-feira, no Estádio Castelão, pela terceira rodada da Série B, e conquistou sua primeira vitória no torneio. Com lembranças do bom futebol de parte do Estadual, o Tricolor espera continuar evoluindo.

Na rodada anterior, no empate em casa contra o Bahia, o técnico Claudinei Oliveira admitiu que precisar rever conceitos e pensar melhor sobre o desempenho do time. E na noite em São Luís, o time paranista lembrou, mesmo que vagamento, algumas coisas vistas no Campeonato Paranaense.

A equipe conseguiu melhorar a troca de passes e inversões de bola, tentando evitar a ligação direta - Lucas Otávio, substituindo Jean (lesionado), ajudou na saída de bola. Além disso, em alguns momentos, a compactuação do sistema em linha alta e as transições de jogadores também puderam ser vistas. 

- A gente conversou com os atletas e fez uma análise do que vinha acontecendo. E concluímos que a equipe perdeu, por questões pontuais, um pouco da identidade do Paranaense. Voltamos como time organizado e sempre brigando por todas as bolas. Fizemos isso hoje. Não fomos brilhantes, mas fizemos boa marcação - analisou o treinador.

O comandante paranista, apesar de satisfeito com a melhora, viu problemas no encaixe da marcação, e no perigo de perder a segunda bola e oferecer espaço de forma desprevenida. Oliveira acredita que, com o tempo e muito trabalho, o Tricolor vai resgatando a identidade. Nas últimas partidas, a equipe atuou de um jeito diferente até pelas circunstâncias (jogadores expulsos e gols sofridos no início): dificuldades de propôr o jogo, muito chutão e pouca movimentação. Um time previsível, em resumo.

- Tivemos alguns problemas na marcação, demoramos para acertar, mas a gente entrou bem na partida. Nossa equipe nunca foi de sofrer contra-ataques, sempre foi organizada. Foi um primeiro passo. Ainda estamos longe do ideal - finalizou.

O Paraná volta a campo na sexta-feira, às 20h30, na Vila Capanema, contra o Oeste de Fernando Diniz, ex-treinador do clube. Com quatro pontos, o time paranista é o décimo primeiro colocado do Campeonato Brasileiro.