Atlético PR x Chapecoense

Jogo feio na Arena e de poucas chances de gol. (Geraldo Bubniak/AGB)

Lola Dias
28/10/2017
23:27
Curitiba (PR)

O Atlético-PR empatou em 0 a 0 com a Chapecoense neste sábado, na Arena da Baixada, pela trigésima primeira rodada da Série A. Os dois times, que chegaram com duas vitórias para o jogo, encerram a sequência de triunfos e empacam na tabela.

No dia em que completa 11 meses da tragédia que marcou toda a equipe catarinense, a Chape teve a chance de abrir o placar em uma confusão na pequena área, após uma cobrança de escanteio. A bola só não balançou a rede porque Thiago Heleno e Jonathan defenderam o chute de Wellington Paulista em cima da linha. Guilherme, em batida de fora da área e Thiago Heleno de cabeça, foram as únicas chegadas com certo perigo do time paranaense, mostrando a pobreza do futebol praticado pelos times.

No segundo tempo, o Furacão iniciou em cima e, em duas oportunidades, ficou próximo de abrir o marcador. Sidcley cruzou para Nikão mandar uma bomba de voleio para grande defesa de Jandrei. Na sequência, Wanderson cabeceou nas mãos do arqueiro, já na pequena área. E foi só dos dois lados.

A pressão pela vitória tomou conta da partida e o jogo foi paralisado diversas vezes pelas faltas, com a equipe rubro-negra sentindo o nervosismo vindo da arquibancada. A torcida atleticana permaneceu, em boa parte novamente, fora do estádio em protesto contra recentes decisões da diretoria do clube. Os pouco mais de 10 mil torcedores que entraram para apoiar o clube saíram decepcionados e vaiaram.

Com o empate em casa, o Atlético-PR se distancia do G-7, se mantendo na nona colocação, com 42 pontos, enquanto a Chapecoense segue na primeira colocação, com 39 pontos e podendo se aproximar da zona de rebaixamento. Na próxima rodada, o Furacão encara o Cruzeiro no domingo, às 17h, no Mineirão, já a Chape recebe o Sport no mesmo dia e horário, na Arena Condá.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 0X0 CHAPECOENSE

Local
: Arena da Baixada, em Curitiba
Data-Hora: 28/10/2017 - 21h
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)
Público/renda: 9.774 pagantes / R$ 237.767,50
Cartões amarelos: Lucho González (CAP); Apodi, Jandrei, Fabrício Bruno, Canteros (CHA)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Wanderson, Thiago Heleno e Fabrício; Pavez, Lucho González (Matheus Rossetto, 29'2T) e Sidcley (Felipe Gedoz, 23'2T); Guilherme, Nikão e Ribamar (Douglas Coutinho, 32'2T). Técnico: Fabiano Soares.

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Douglas, Fabrício Bruno e Reinaldo; Canteros, Amaral (Elicarlos, 32'2T), Moisés e Luiz Antônio (Nadson, 12'2T); Arthur (João Pedro, 38'2T) e Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina.