Lateral Léo prevê dez finais a partir de agora

Lateral Léo prevê dez finais a partir de agora. (Foto: Divulgação/ Atlético-PR)

Daniel Piva
04/10/2016
19:12
Curitiba (PR)

Embora o técnico Paulo Autuori não dê muitos créditos, os jogadores do Atlético-PR comemoraram a confirmação do aumento de número de classificados para a Libertadores da América. Atual sexto colocado do Campeonato Brasileiro, o Furacão acredita que possui boas chances de conquistar uma vaga para a competição.

Um dos primeiros a comentar o assunto foi o lateral Léo, que acredita que o time terá agora pela frente dez finais de campeonato.

- A notícia que a Série A terá mais duas vagas na Taça Libertadores foi muito bem recebida por todos. Nós, que estávamos buscando entrar no G4, vamos continuar fortes nesta luta até o fim da temporada. Temos que continuar trabalhando firme para nos manter neste G6. Serão dez finais até o fim do campeonato - aponta o atleta, que deve reassumir a condição de titular após cumprir suspensão automática na última rodada.

Já o zagueiro Paulo André acredita que a mudança é boa para o Atlético-PR, mas salienta que aumenta a responsabilidade do time, que passa a ser um dos favoritos para a classificação.

- Aumenta a nossa responsabilidade. A gente vinha buscando o G-4 e esse aumento de vagas ressuscita algumas equipes que não brigavam por nada. Agora a nossa responsabilidade é maior. Seguimos em busca do G-4, pois temos competência para isso, mas evidentemente que as chances aumentaram - define o defensor.

Para conquistar a vaga, o Atlético-PR pretende seguir apostando no fator casa. O time é o melhor mandante do Campeonato Brasileiro. Por isso, o Furacão só admite a vitória diante da Chapecoense, nesta quarta-feira, às 19h30, na Arena da Baixada.

- A Chapecoense vem de derrota em casa e é um adversário perigoso. Vamos em busca da vitória. Em casa não podemos vacilar. Sabemos das dificuldades que teremos, mas temos que focar nos três pontos - afirma Léo.