André Lima

André Lima marcou duas vezes e acumula quatro gols pelo Furacão em 2016. (Divulgação/Atlético-PR)

Guilherme Moreira
12/03/2016
20:29
Curitiba (PR)

Com enorme facilidade, o Atlético-PR goleou o PSTC ​por 4 a 0 neste sábado, na Arena da Baixada, pela nona rodada do Campeonato Paranaense. A boa vitória encerrou um jejum de cinco jogos sem vencer no torneio - seis partidas se contar a Primeira Liga.

O duelo começou com o time rubro-negro afobado e cometendo erros básicos, como troca de passes e domínio de bola. O adversário, aproveitando o nervosismo rival, criou duas oportunidades perigos.

Na primeira, Weverton se antecipou ao contra-ataque e, após lançamento da direita, conseguiu brecar o chute. Com 11, Thiago Heleno errou a saída e a bola sobrou para Afonso, que serviu Fauver pela direita para chutar rente ao travessão.

O Furacão só foi chegar com perigo aos 23. Em boa jogada, os atletas trocaram passes rápidos e, após boa movimentação do sistema ofensivo, o volante Jadson rolou para Otávio chutar e obrigar Lucas a espalmar o arremate. E o gol só saiu em uma bobeira individual. Com 27, Nikão cobrou falta da esquerda, Tayron foi afastar de cabeça, errou o tempo de bola e mandou com a perna para dentro do gol, marcando contra. 1x0.

Na frente do placar, o Atlético-PR começou a gostar da partida. Dois minutos depois, Marcos Guilherme avançou pela direita e Pablo, de primeira, chutou perto da trave. Já aos 34, Pará recebeu na ponta esquerda, cruzou rasteiro e André Lima completou na pequena área, ampliando o resultado. 2x0. 

Perdido em campo após levar o primeiro, o PSTC não se acertou mais em campo e era alvo fácil da equipe rubro-negra. Com 38, André Lima bateu falta rasteira, Lucas soltou e Pablo, sozinho, só teve o trabalho de empurrar para as redes, marcando o 3x0.

Logo no começo da segunda etapa, o Furacão aproveitou o embalo e continuou em cima. Após André Lima e Nikão desperdiçarem chances, o atacante não perdeu a segunda para virar goleada. O camisa 99 aproveitou nova bobeira da zaga adversário e, girando, chutou de esquerda no canto esquerdo do arqueiro do time do interior. 4x0.

Da metade do segundo tempo para o final, o técnico Paulo Autuori utilizou para conhecer melhor o elenco, colocando Bruno Pereirinha, Anderson Lopes (normalmente titular) e o menino Giovanny. Apesar de diminuir um pouco o ritmo, o Atlético-PR seguiu criando oportunidades sem dificuldade alguma.

Jadson, Thiago Heleno e André Lima, em duas ocasiões, ainda conseguiram assustar e quase ampliar para uma goleada histórica. Nos minutos finais, o PSTC só não descontou três vezes pelas defesas de Weverton.

Com 16 pontos, o Atlético-PR subiu para a terceira colocação de forma provisória - ainda precisa aguardar o resultado de J. Malucelli e Coritiba. Na próxima rodada, o Furacão encara o clássico contra o Coritiba, domingo que vem, às 16h, na Arena da Baixada.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 4X0 PSTC

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-Hora: 12/3/2016 - 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Leonardo Zanon
Assistentes: Júlio César Souza e Antônio C. de Andrade
Público/renda: 9.192 total/não divulgado
Cartões amarelos: Afonso, Chimba (PSTC)
Gols: Tayron, contra (27'/1ºT) (1-0), André Lima (34'/1ºT) (2-0), Pablo (38'/1ºT) (3-0), André Lima (6'/2ºT) (4-0)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Eduardo, Thiago Heleno, Paulo André e Pará; Jadson, Otávio (Bruno Pereirinha) e Pablo; Marcos Guilherme (Anderson Lopes), Nikão (Giovanny) e André Lima. Técnico: Paulo Autuori.

PSTC: Lucas; Caxambu, Spice, Tayron e Igor (Urata); Rafael, Índio, Fauver e Rodolfo (Baroni); Afonso (Chimba) e Lucão. Técnico: Reginaldo Vital.