Dudu

Dudu é um dos pendurados para a partida contra o Toledo. (Giuliano Gomes/PR PRESS)

Guilherme Moreira
08/04/2016
08:05
Curitiba (PR)

A vitória no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paranaense não fará o time coxa-branca atuar com uma equipe alternativa no duelo da volta. Neste sábado, às 16h, no Estádio Couto Pereira, o Coritiba vai com o time titular e não pretender perder atletas caso confirme a classificação para a semifinal.

O técnico Gilson Kleina decidiu poupar os titulares na estreia pela Copa do Brasil, na quarta-feira que vem. Por isso, a comissão técnica vem recomendando os quatros atletas com dois cartões amarelos para o duelo diante do Toledo.

O goleiro Wilson, um dos pendurados, segue fora da partida por lesão. Já o meia Dudu e os atacantes Kleber Gladiador e Leandro serão relacionados para o duelo - o último começará no banco de reservas. 

- A gente espera que esses atletas que estão pendurados não tomem cartões para que estejam presentes nos próximos jogos. Os três citados são atacantes e nós estamos precisando fazer gols nesses jogos para que a gente alcance nossos objetivos. A minha torcida e o meu conselho é que eles segurem o ímpeto nesses jogos e consigam se controlar - falou Ceará, capitão alviverde.

O comandante do Verdão, após o triunfo no final de semana, foi questionado sobre o assunto e deixou claro que o Estadual é prioridade nesse momento, mesmo com a boa vantagem conquistada. Kleina ainda garantiu ter confiança nas opções no elenco caso alguém seja suspenso no final de semana.

- A gente entende o quanto o Kleber, Dudu e Leandro são importantes e que estão pendurados, mas nesse momento o importante é conseguir a classificação. Se tiver que tomar o terceiro, tenho muita confiança no Ortega (centroavante), que entrou. Temos que aproveitar o Kleber no melhor momento. Na outra semana temos a Copa do Brasil, mas o importante é termos todos esses jogadores. Se tomar o cartão no outro jogo, vai tomar ao natural - avaliou.

Outro argumento para jogar com força máxima é poder ultrapassar o J. Malucelli na classificação geral e poder atuar o segundo jogo da possível semifinal em casa. O Jotinha também venceu no jogo de ida e o Coxa torce por um tropeço do adversário, que tem 24 pontos somados contra 23 do Coritiba.

- Existe essa possibilidade, realmente. O regulamento nos permite na somatória de pontos, nesses dois jogos contra o Toledo, de repente com um tropeço do Jotinha, conseguir ultrapassá-lo no agregado de pontos. Ter a vantagem de jogar o segundo jogo em casa nos favoreceria bastante. Sem dúvida vamos em busca da vitória - finalizou Ceará.

O Coritiba vai a campo com: Elisson; Ceará, Luccas Claro, Juninho e Carlinhos; João Paulo, Alan Santos, Dudu e Juan; Negueba e Kleber.