Belgrano x Coritiba

Coxa jogou diante de 55 mil pessoas, em Córdoba, na Argentina. (Divulgação/Coritiba)

Guilherme Moreira
29/09/2016
01:03
Curitiba (PR)

Histórico. O Coritiba superou o Belgrano-ARG por 2 a 1 nesta quarta-feira, em Córdoba, pela partida da volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Com a classificação inédita, nos pênaltis por 4 a 3, o time paranaense superou traumas antigos.

Esse foi o primeiro triunfo do clube brasileiro fora de casa em jogos internacionais, contando somente torneios oficiais. O histórico ainda é negativo, mas já tira uma desvantagem que incomodava. Até esta noite, o Coxa tinha disputado seis duelos fora do Brasil: quatro derrotas (Deportivo Quito-EQU, Sporting Cristal-PER, Rosario-ARG e Itagüí-COL) e dois empates (Barcelona-EQU e Olímpia-PAR). 

- Sabíamos que o time tinha condições. Ganhamos nos pênaltis, mas isso é para testar o coração de todos nós. Essa vitória é dedicada para toda nossa torcida. Esse é o time vencedor que nós queremos. Temos que voltar a ter esse espírito de guerra, de luta, para vencermos as partidas - declarou o presidente Rogério Bacellar, em entrevista às rádios presentes na Argentina, após o jogo.

A última vitória no exterior, agora contando amistoso, tinha acontecido em 2000, quando o Coxa venceu o Monterrey-MEX por 2 a 1, com gols de gols de Leandro Tavares e Marcelo Lipatin. Um jejum de 16 anos sem vitórias fora do Brasil, que terminou nesta noite na Argentina.

Por fim, considerando um torneio, o outro jejum durava 33 anos. Em 1983, o triunfo por 6 a 2 sobre o African Sport, na Costa do Marfim, era o último resultado positivo do Verdão. O jogo aconteceu pela Taça Ak-waba.

- É uma classificação histórica para o nosso clube. É uma boa equipe, teve a pressão, mas fizemos uma boa partida. A primeira partida não condizia com a realidade. Hoje fizemos um jogo muito melhor - declarou o goleiro Wilson, herói da classificação, com dois pênaltis defendidos e um convertido.

O Coritiba agora enfrenta o Atlético Nacional-COL, atual campeão da Copa Libertadores, pelas quartas-de-final da Copa Sul-Americana. O primeiro jogo é em Curitiba, no dia 19 ou 20 de outubro, no Couto Pereira.