Raphael Veiga

Jovem jogador, que renovou durante a semana, tinha contrato até agosto. (Divulgação/Coritiba)

Daniel Piva
22/07/2016
23:01
Curitiba (PR)

Após uma semana tumultuada, o Coritiba espera reencontrar a paz neste sábado, contra o Santa Cruz, no Estádio Arruda, às 18h30, pela décima sexta rodada da Série A. Sem poder contar com o meia Juan, suspenso pela diretoria por ter desrespeitado o técnico Pachequinho, o Coxa deve apostar no prata da casa Raphael Veiga.

Até aqui na temporada, o jovem jogador disputou apenas duas partidas - contra o Avaí, pela Primeira Liga, e contra o Juventude, na Copa do Brasil. Mesmo assim, ele garante que está pronto para assumir a vaga de Juan, um dos principais nomes do time.

- Estou entrando em um momento que o nosso time não está em uma sequência boa, mas encaro como uma oportunidade. Acredito que esse jogo pode mudar muita coisa na minha vida - diz Raphael Veiga, que renovou contrato nesta semana até o final de 2017.

Desta forma, o Coritiba deve ir a campo novamente no esquema 4-1-4-1: Wilson, Ceará, Luccas Claro, Juninho e Carlinhos; Edinho, Colin Kazim, Alan Santos, João Paulo e Raphael Veiga; Kléber.

Na luta contra a zona de rebaixamento, o elenco alviverde garante apoio ao interino Pachequinho. O comandante, que foi xingado por Juan na última rodada após ser substituído, recebeu as desculpas do atleta e continua interinamente no cargo.

- Nós jogaremos para nos ajudarmos, para sairmos desta situação, e também por ele. Queremos que ele seja efetivado - garante o atacante Kléber.