Anderson Daronco citou o uso de sinalizadores na súmula (FOTO: Cesar Greco/Palmeiras)

Coritiba promete protestar contra Anderson Daronco na CBF (FOTO: Cesar Greco/Palmeiras)

LANCE!
13/09/2017
09:30
Curitiba (PR)

A CBF publicou na noite desta terça-feira a avaliação sobre a arbitragem de Anderson Daronco, que conduziu o clássico entre Atlético-PR x Coritiba, no último domingo. No entendimento da entidade, o juiz acertou em todos os lances capitais do confronto.

A principal polêmica do clássico foi aos 37 minutos do segundo tempo, quando o placar era de 1 a 0 Coritiba, houve um lance envolvendo o volante Esteban Pavez, do Atlético-PR, e o atacante Rildo, do Coxa, que pediu pênalti no lance. Daronco mandou seguir o jogo e, segundo a CBF, tomou a decisão correta.

“Todos os jogadores têm o direito a sua posição no terreno de jogo, encontrar-se no caminho do adversário não é o mesmo que mover-se ao caminho de um adversário”, avaliou a Comissão de Arbitragem da CBF. “Segue o jogo, nada marcar”, complementou.

O que aumentou a ira do Coritiba é que no contra-ataque ocorreu um pênalti em cima de Felipe Gedoz, do Atlético-PR. Mas esse lance, e também a outra penalidade máxima anotada a favor do Furacão, não foram publicados no site, o que dá a entender que a entidade não considera como polêmico.