Apenas três atletas campeões do Estadual Sub-19 no ano passado jogaram pelo principal nesta temporada

Apenas três atletas campeões do Estadual Sub-19 no ano passado jogaram pelo principal nesta temporada (Foto: Site oficial)

Daniel Piva
08/03/2016
19:23
Curitiba (PR)

Em outubro de 2015 o Paraná superou o Londrina e conquistou o título do Campeonato Paranaense Sub-19. A partir dali, muita gente passou a apostar que esse time seria a base da equipe para a disputa do Estadual deste ano. Porém, o que se viu após oito rodadas foram os meninos no banco de reservas, com poucas oportunidades dentro de campo.

Daquele grupo campeão Estadual Sub-19, apenas três jogadores tiveram oportunidades neste ano com o técnico Claudinei Oliveira: o zagueiro Basso e os meio-campistas Zé Victor e Leandro Vilela.

Destes, o que mais jogou foi o defensor, que foi titular no clássico contra o Coritiba e entrou no decorrer de outras três partidas, totalizando 148 minutos em campo. Zé Victor nunca começou um jogo, mas entrou no segundo tempo em três oportunidades e jogou 60 minutos até aqui. Já Leandro Vilela iniciou no time principal o duelo contra o Toledo e entrou durante um outro compromisso, completando 72 minutos jogados.

"Eu confio em todos os jogadores que estão no banco tecnicamente. Mas o jogo contra o Coritiba, por exemplo, até atletas experientes como o Válber estavam com dificuldades, não vou lançar um menino em uma situação dessas", justificou Claudinei Oliveira. "É a opção do clube desde o início do ano. Vencemos seis jogos de oito disputados. É uma receita que está dando certo", complementou o técnico.

A mesma linha de raciocínio é seguida pela diretoria paranista. "O mais importante é esses meninos estarem no elenco principal. Estão treinando e amadurecendo. Mais cedo ou mais tarde as oportunidades pintarão", apostou o gerente de futebol, Beto Amorim.

No time titular paranista há nomes como o zagueiro Alisson e o volante Jean, além do atacante Lucas Pará. Eles, porém, estão no profissional há mais tempo e não integraram o elenco campeão do Estadual do ano passado. Já o meia Alexson jogou apenas três minutos na estreia, contra o J. Malucelli, mas era de uma categoria abaixo do time Sub-19.