Paulo Autuori

Em 2005, Autuori foi campeão da Libertadores e Mundial pelo São Paulo (Foto: Gustavo Oliveira/Atlético-PR)

Daniel Piva
10/06/2016
10:05
Curitiba (PR)

A partida deste sábado, às 21 horas, no Morumbi, vai marcar o reencontro do técnico Paulo Autuori com o São Paulo. O atual comandante do Atlético-PR entrou para a história do clube paulista em 2005, quando dirigiu o time nas conquistas da Libertadores e do Mundial daquele ano. Para o treinador atleticano, a chance dos são paulinos reconquistarem a principal competição da América novamente se deve a permanência de Edgardo Bauza.

Agora semifinalista da Libertadores (vai enfrentar o Atlético Nacional-COL nesta fase da competição), o São Paulo viveu momentos de turbulência no início de 2016. Edgardo Bauza foi muito contestado principalmente após a derrota em casa por 1 a 0 para o The Strongest-BOL e pela eliminação nas quartas de final do Campeonato Paulista.

- Uma vitória muda muito. Às vezes, você é criticado pelo resultado. Assim é o futebol. O São Paulo ganhou muita confiança com o Bauza, e aí tem que parabenizar a direção por tê-lo mantido - elogia Paulo Autuori.

Porém, neste sábado, Autuori está como desafiante do São Paulo. O treinador espera ver um Atlético-PR capaz de conquistar o primeiro ponto como visitante neste Campeonato Brasileiro.

- Aproveitamos essa semana livre para trabalharmos muito, não existe uma equipe forte sem um grupo coeso. Esperamos um resultado positivo neste jogo - aponta o comandante do Atlético-PR.

Sobre o time que encara o São Paulo, o treinador opta por fazer um certo mistério. Ele apenas confirma que a equipe tende a ter algumas mudanças. O volante Deivid, que sentiu um desconforto muscular, está recuperado e deve ser titular novamente.