Leo e Marcos Guilherme

Marcos Guilherme espera "ok" de Petraglia, enquanto Léo fica no CT do Caju mais um ano.

Guilherme Moreira
13/01/2017
22:34
Curitiba (PR)

Após garantir a renovação de Thiago Heleno, o Atlético-PR acertou com mais um jogador titular do ano passado. O lateral-direito Léo permanece no CT do Caju até o final deste ano. A informação é do jornal Gazeta do Povo e foi confirmada pelo Lance!.

A continuidade do ala era negociada desde dezembro de 2016 e já estava virando uma longa novela. A sua negociação envolvia a troca dele e do meia Ederson com o jovem Marcos Guilherme para o Flamengo. Algo que não interfere mais.  

Antes, a ideia era repassá-lo ao clube paranaense em um contrato de três temporadas, com os direitos econômicos divididos, recebendo a promessa do time de Curitiba, conforme o L! antecipou. Agora, Léo renovou com o Mengão até o fim de 2018 e será novamente emprestado ao Furacão. Ederson, outra parte envolvida, já negociava à parte e não virá. O próprio atleta não quer se transferir e pede uma continuidade.

A revelação atleticana, entretanto, ainda está em pauta e segue aguardando o aval do presidente do Conselho Deliberativo, Mario Celso Petraglia, para se transferir à Gávea. O dirigente o considerada uma joia que, mesmo tendo um 2016 difícil, ainda pode render frutos. O empréstimo, por outro lado, é bem visto por pessoas dentro do clube e por seu empresário. A decisão está unicamente nas mãos do mandatário do Atlético-PR.