Marcos Guilherme

O camisa 10 aproveitou cruzamento de Eduardo para marcar e fazer sua tradicional comemoração. (Divulgação/Atlético-PR)

Guilherme Moreira
17/03/2016
23:48
Curitiba (PR)

Questionado no ano, o meio-campista Marcos Guilherme fez o gol do Atlético-PR no empate por 1 a 1 contra o Brasil-RS nesta quarta-feira, em Pelotas, pelo jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil. Apesar de desencantar, o atleta acabou saindo da partida por opção do treinador.

Criticado na temporada pela torcida, o meia-atacante deixou sua marca pela primeira vez no ano. O jovem jogador rubro-negro jogou 10 das 13 partidas do clube em 2016, sendo nove como titular e uma entrando no decorrer do jogo. 

Aos 45 minutos do primeiro tempo, em contra-ataque rápido, Eduardo foi lançado pela esquerda, cruzou para a área e Pablo furou o chute. Marcos Guilherme, logo atrás, aproveitou e apenas rolou de esquerda para as redes de Eduardo Martini, do Xavante.

- Gol é confiança. Hoje, consegui fazer o meu. Espero que venham muitos outros pela frente. Dedico até para o meu filho. Faz 13 dias que ele nasceu - comemorou o atleta.

Apesar de ter marcado no duelo, o camisa 10 foi substituído no intervalo. O atleta saiu para a entrada de Vinícius, que era para começar atuando, mas foi poupado pelo técnico Paulo Autuori - apesar de falar na semana que não adotaria esse rodízio. O camisa 22, entretanto, foi expulso aos 37 minutos após cometer falta e reclamar com a arbitragem.

O duelo da volta acontece no 14 de abril, ainda sem horário definido, na Arena da Baixada. Caso confirme a classificação, o Furacão encara o vencedor do duelo entre Nacional-AM e Dom Bosco-MT.