Sport x Internacional

            Inter de William e Sport de Renê ficaram no empate (Foto: Carlos Ezequiel Vannoni/Eleven/Lancepress!)

LANCE!
28/08/2016
20:26
São Lourenço da Mata (PE)

O Internacional esteve próximo de encerrar seu jejum sem vitórias diante do São Paulo, mas Valdívia perdeu pênalti. Já neste domingo, contra o Sport e na Arena Pernambuco, o Colorado saiu na frente com Seijas, mas cedeu o empate para o Leão, que garantiu o 1 a 1 com gol de Vinícius Araújo aos 44 minutos da etapa final, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Resultado que fez a série sem vitórias do Colorado chegar a 14 jogos, sendo nove derrotas e cinco empates. Clique aqui e confira como foi o lance a lance do duelo em São Lourenço da Mata.

Com a igualdade, o Sport foio aos 27 pontos e se manteve na 12ª colocação. Já o Inter, que entrou em campo na zona de rebaixamento, foi aos 24, mas não deixou a 17ª colocação, a primeira do Z4.

 
PRÓXIMOS JOGOS

O Sport voltará a atuar pelo Brasileirão no próximo dia 8, uma quinta-feira, quando visitará o Corinthians, na Arena Corinthians, às 19h30. Já o Internacional, no mesmo dia mas às 21h, receberá o Santos, no Beira-Rio. Mas ambos os times entrarão em campo já nesta meio de semana. O Rubro-Negro pernambucano terá o rival Santa Cruz pela frente, na Arena, às 21h45, pelo jogo de volta pela segunda fase da Copa Sul-Americana. Houve empate em 0 a 0 na ida. Já o Colorado no mesmo dia e horário receberá o Fortaleza, no Beira-Rio, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil. 

MARCAÇÃO POLÊMICA E INTER NA FRENTE

Celso Roth manteve William atuando como articulador no meio, com Ceará na lateral direita e, sem Vitinho, apostou em Sasha de referência, com Seijas e Valdívia completando o trio de armadores. Esquema que se mostrou eficaz. Eficaz principalmente graças ao espaço proporcionado pelo Sport, de desempenho ruim na marcação pelo meio. Após investida iniciada pela direita, Seijas recebeu e procurou o choque contra Paulo Roberto na área. O árbitro Grazianni Maciel Rocha entendeu como pênalti e o próprio camisa 23 converteu. Inter na frente.

Sem poder contar com Diego Souza, que estava cotado para voltar ao time contra o Inter, o Sport apostou nas jogadas de velocidade pelas pontas com Everton Felipe e Gabriel Xavier. Mark González. Sobrou vontade, mas faltou encaixe para o Leão, que passou a ter mais posse de bola, mas não teve precisão para transpor Danilo Fernandes. Aos 41, após cobrança de lateral, Gabriel Xavier foi deslocado por Ceará dentro da área, em lance semelhante ao do pênalti, mas o árbitro nada marcou. Já o Inter teve duas boas chances com Seijas, mas sem o venezuelano tendo êxito novamente.

Sport x Internacional
   Sasha tentou fazer a diferença diante do Sport (Foto: Carlos Ezequiel                                      Vannoni/Eleven/Lancepress!)

SPORT PRESSIONA  E ALCANÇA O EMPATE

O Sport manteve a postura que vinha apresentando na etapa inicial para o segundo turno. Tentando envolver o Inter e encontrando um rival recuado, o Leão trabalhava a bola buscando espaços na marcação colorada. Espaços que não aconteciam. Observando o Inter sem força no ataque, Roth apostou em Ariel na vaga de Sasha. Aposta que quase surtiu efeito segundos depois. Erro de Ronaldo Alves e finalização do centroavante para a ótima defesa de Magrão, aos 16.

A pressão do Sport só aumentou com o passar do tempo. A meta colorada era conter o ímpeto rival e ter êxito em um contra-ataque para sacramentar a vitória. Contra-ataque que não veio.  E a busca leonina surtiu efeito. Cobrança de falta aos 44 minutos e gol de Vinícius Araújo. Resultado justo pela postura do Sport. Já o Inter voltou a pecar nos minutos finais e encerrará a rodada na zona de rebaixamento do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1 X 1 INTERNACIONAL


Local: Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata (PE)
Data-hora: 28/8/2016 – 18h30
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Auxiliares: Eduardo de Souza Couto e Carlos Henrique Alves de Lima Filho.
Público/Renda: 7.491 presentes/R$ 130.865,00.
Cartões amarelos: Paulo Roberto, Matheus Ferraz e Vinícius Araújo (SPT); Fabinho, William, Rodrigo Dourado e Fernando Bob (INT)
Cartões vermelhos: Oswaldo de Oliveira (SPT)

Gols: Seijas, 8'/2ºT(0-1) e Vinícius Araújo, 44'/2ºT(1-1).

SPORT: Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Renê (Vinícius Araújo, 24'/2ºT); Paulo Roberto, Rithely, Gabriel Xavier, Mark González e Everton Felipe (Apodi, 10'/2ºT); Edmilson (Luiz Ruiz, 21'/2ºT) – Técnico: Oswaldo de Oliveira

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Ceará, Paulão, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho (Eduardo Henrique, 21'/2ºT), William (Fernando Bob, 37'/2ºT) e Seijas; Valdívia e Eduardo Sasha (Ariel, 15'/2ºT) – Técnico: Celso Roth.